Ciência

Mancha vermelha vista em Júpiter é furacão do tamanho da Terra

por: Redação Hypeness

Uma imagem recente de Júpiter divulgada pela NASA intrigou pelo destaque da Grande Mancha Vermelha. Imponente na fotografia, a mancha é nada menos que um furacão com mais 300 anos de duração e proporções maiores que o planeta Terra .  

– Quem é a brasileira de 16 anos que foi para a academia de voo da NASA

Fotografia de Júpiter tirada pela NASA

Cássio Barbosa, doutor e pós-doutor em astronomia, escreveu no G1 que a mancha foi descoberta pelo astrônomo italiano Giovanni Cassini. 

“A Grande Mancha Vermelha de Júpiter é um poderoso furacão que já dura mais de 300 anos, mas ela deve ser ainda mais antiga. A primeira descrição de uma mancha vermelha em Júpiter foi feita por Robert Hooke em 1664, mas é bem provável que essa mancha não seja a mancha “atual”. Hooke a descreveu como estando no hemisfério norte, mas desde 1665 ela é vista no hemisfério sul”, disse.

Porém, os cientistas constataram que a Grande Mancha Vermelha está diminuindo de tamanho e pode desaparecer nas próximas décadas. As imagens divulgadas no último dia 8 foram feitas pelo telescópio espacial Hubble, lançado pela NASA na década de 1990. 

Ainda não é possível dizer o que provocou o fenômeno. Mas a mancha, que no passado abrigaria três Terras, agora só tem espaço para uma.

Publicidade

Foto: NASA


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Cientista descobrem o animal que pode ter gerado lenda do monstro do Lago Ness