Cobertura Hypeness

Nostalgia, reencontros e emoção: O que rolou no primeiro show de Sandy e Junior em SP

por: Rafael Oliver

Um final de semana de muito agito, pulos e ‘turu-turu’ no Allianz Parque, em São Paulo.  A turnê “Nossa História”, de Sandy e Jr, finalmente chegou na capital paulista com seu maior show até o momento! A dupla conseguiu levar 45 mil pessoas para o Allianz, 3 mil a mais do que o grupo coreano BTS, um dos shows mais concorridos do ano.

      

A setlist foi similar aos outros shows da turnê, que teve início no dia 12 de julho e já passou por Recife, Fortaleza, Salvador, Brasília, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Depois de São Paulo, “Nossa História” ainda seguirá para Curitiba, Manaus, Belém, Porto Alegre, Nova York e Lisboa.   O sucesso foi tanto que tiveram que abrir shows extras em São Paulo e no Rio, Na capital fluminense farão seu último show.

“Vamu Pulá”

Não era final de campeonato,  mas o estádio do Palmeiras lotou e registrou capacidade máxima  no último sábado, 24, E foi abaixo quando os irmãos entraram. A euforia do público no início do show foi tanta que era possível sentir a arena tremer. Uma energia tão incrível que surpreendeu inclusive os irmãos Lima. “Gente, vocês não estão ligados como está emocionante isso aqui pra gente”, comentou Júnior, logo no início do show, levando os fãs à loucura. “A gente já tinha assistido shows aqui, mas não imaginávamos a sensação”, completou a irmã. 

 

Eu acho que pirei

Choradeira dos fãs, emoção no palco, na plateia e muitos reencontros!O elenco do seriado “Sandy e Jr” esteve presente.Quem era fã do seriado (como esse colunista que vos escreve) foi ao delírio ao ver no telão takes dos atores interpretando seus respectivos personagens. Fernanda Paes Leme (Patty), Paulinho Vilhena (Gustavo), Karina Dhome (Beth), Camila dos Anjos (Bebel), Bruna Thedy (Ritinha), Douglas Aguillar (Mau) e José Trassi (Dodô) assistiram ao show e relembraram os tempos do programa.

‘Eu acho que pirei’: fomos conferir primeiro show de Sandy e Jr em SP

A dupla imortal: Sandy e Jr retornam a SP no maior show da turnê

O que é imortal não morre no final: o primeiro show de Sandy e Jr em SP

 

Desperdiçou

Esbanjando simpatia, Paulinho Vilhena disse ao Hypeness estar emocionado com o momento: “Tô feliz demais. É uma emoção incrível estar aqui”. Ele ainda revelou sua canção preferida do setlist: “Essa que acabou de tocar, A Lenda”, disse sorridente. Paes Leme, uma das personalidades mais aguardadas para o show, não quis falar com a gente. (Mas ainda gostamos de você, Patty!)

Inesquecível

Outros famosos também marcaram presença naquela noite mágica. A cantora e atriz Larissa Manoela  nos contou o motivo de Sandy e Jr. ser tão especial em sua  vida: “Com a música ‘Inesquecível’ eu fiz a audição do meu primeiro musical e foi quando descobri que  iria entrar para a área de canto e me realizar cantando também”. 

Sabrina Sato também falou com o Hypeness, reafirmando o quanto gosta dos filhos de Xororó. “Eu sou fã de Sandy e Jr desde criança. Eu tenho o primeiro LP!”.

Outra Ex-BBB também esteve por lá: a DJ Clara Aguilar, que disse ter todos os CD’s da dupla e que colecionava os encartes das “Quatro Estações.” Gente como a gente, né? Diferente de  Clara, Gi Lancellotti nos contou estar indo pela terceira vez só nesta turnê: “Quero ir em outros ainda. E sempre que tiver oportunidade quero continuar indo, porque eu amo eles.”

reprodução Instagram

Não dá pra não pensar

Mesmo em clima de festa, Júnior mostrou que não se pode ficar quieto diante dos problemas que o país está enfrentando. Após a música “Libertar”, em que faz a primeira voz, o músico pediu: “Deixem nossa Amazônia em paz!”, fazendo menção às queimadas que assolam a floresta há mais de 3 semanas. Foi aplaudido pela platéia, que entoou um coro contra o Jair Bolsonaro, sugerindo ao presidente tomar suco de cajú. 

 

Cai a chuva

A chuva ameaçou, mas ignorada pela multidão eufórica com show, logo foi embora. O frio foi tomado pelo calor da emoção. As canções escolhidas para a apresentação da dupla em São Paulo aqueceram o coração do público. Os termômetros marcavam 12 graus no Allianz Parque. Mas o clima que prevalecia no local foi  de nostalgia do começo ao fim. 

Confira o setlist:

“Não dá pra não pensar”

“Nada vai me sufocar”

“No fundo do coração”

“Estranho jeito de amar”

“Olha o que o amor me faz”

“Nada é por acaso”

“Love never fails”

“As quatro estações”

“Aprender a amar”

“Imortal”

“Libertar”

“Eu acho que pirei”

“Beijo é bom” / “Etc… e tal” / “Vai ter que rebolar” / “Dig-Dig-Joy” / “Eu quero mais”

“Enrosca”

“A gente dá certo”

“Você pra sempre (inveja)”

“Ilusão”

“Não ter”

“Era uma vez”

“O amor faz”

“Inesquecível”

“Super-herói (não é fácil)”

“A lenda”

“Cai a chuva”

“Quando você passa (turu turu)”

“Desperdiçou”

“Vâmu pulá!”

Publicidade

Agradecimentos: Motisuki PR, Vitor Deyrmandjian Rosalino e Beatriz Duarte.

Fotos: divulgação.

Contribuição: Isabela Faggiani.


Rafael Oliver
Publicitário de formação, com passagens por grandes agências, também atua por vocação na área da comédia. É redator, roteirista e humorista . Encontrou em San Diego, na Califórnia, seu segundo lar. Está sempre por lá. Vive uma busca incessante por novas experiências. E está longe de parar.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Jovem norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais para evitar suicídios