Diversidade

Propaganda com casal gay sofre pichação com suástica no Rio

por: Redação Hypeness

Exposto em um ponto de ônibus na Penha Circular, zona norte do Rio de Janeiro, um anúncio estrelado por um casal gay foi pichado com uma suástica.

O símbolo nazista está exposto em uma propaganda na Avenida Lobo Junior. Segundo o site Rio Gay Life, a suástica foi vista pela primeira vez na terça-feira (6). 

Mais um capítulo da violência homofóbica do Brasil

– Embaixador alemão não consegue entender como brasileiros distorcem nazismo

A Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) está em busca dos autores da pichação racista. Autora da peça publicitária, Amil criticou o caso e reafirmou compromisso com a “pluralidade de indivíduos que compõem nossa sociedade”. E completou, “isso inclui as diferentes orientações sexuais”. 

Confira íntegra: 

“A empresa reflete em sua comunicação o valor da diversidade. Nosso público é formado por toda a pluralidade de indivíduos que compõe nossa sociedade e isso inclui as diferentes orientações sexuais. Entendemos que a representatividade faz parte do nosso objetivo de criar relações mais saudáveis com todos os nossos clientes, para que possamos oferecer serviços de saúde que não apenas tenham qualidade e segurança, mas que entendam e acolham a singularidade de cada um”.

Homofobia 

Em 2017, diz o Instituto de Segurança Pública, 431 pessoas foram vítimas de homofobia no estado do Rio de Janeiro. Ou seja,  mais de um agressão por dia. 

A coisa não melhora em âmbito nacional. O Brasil é um dos países mais inseguros para uma pessoa LGBT+ vivier. Uma morte por homofobia a cada uma hora é registrada no país sul-americano. 

– Clarice Falcão denuncia homofobia sofrida por amigo em carro da Uber

Até maio deste ano, conforme levantamento do Grupo Gay da Bahia (GGB), 126 homicídios e 15 suicídios ocorreram no Brasil. 

O Supremo Tribunal Federal (STF) oficializou a criminalização da homofobia e transfobia. Foram 8 votos favoráveis e 3 contrários. O entendimento dos ministros da Corte é de que manifestações de preconceito contra homossexuais e transexuais devem ser enquadradas no crime de racismo -tipificado na Lei Nº 7.716/89 . Com isso, o Brasil integra grupo de 43 países onde a homofobia é crime.

Publicidade

Foto: Reprodução/Twitter


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
SKYY Vodka cria ferramentas para evitar preconceitos em bares e restaurantes