Inovação

Spotify permitirá que pais bloqueiem ‘conteúdo explícito’ para os filhos

por: Vitor Paiva

A internet vem se tornando o grande intermediador entre nós e nossos principais hábitos – das compras aos encontros, passando pelo trabalho e até a música que escutamos. Com isso, é natural que os principais serviços virtuais se tornem cada vez mais customizáveis, oferecendo aos usuários a hipótese de personalizar e adaptar cada serviços às suas necessidades e orientações. O novo recurso anunciado pelo Spotify para os planos Família na versão Premium da plataforma de música segue essa direção: a possibilidade dos pais ou responsáveis controlarem o conteúdo escutado pelos filhos.

Através do Filtro de Conteúdo Explícito, músicas contendo palavrões, sexo, violência ou outro pontos de recusa pelos responsáveis poderão ser bloqueadas para cada usuário. O controle do filtro é oferecido ao familiar com acesso à conta principal do plano, que pode ativar ou desativar o bloqueio por cada subconta. Assim, um filho de, por exemplo, 18 anos, pode ter acesso a certos conteúdos bloqueados para uma filha menor.

Tal controle é realizado através de um centro de controle do Hub familiar, opção incluída em todo plano familiar premium. A novidade já foi liberada inicialmente na Irlanda, mas em breve será oferecida para o resto do mundo. De acordo com o Spotify, que já oferece planos familiares desde 2014, esse era um dos recursos mais solicitados pelos usuários.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Escola baiana há mais de 20 anos usa meditação para melhorar concentração de alunos