Ciência

Bióloga brasileira ganha prêmio internacional por evitar morte de animais em rodovias

por: Vitor Paiva

Por seu trabalho dedicado à ecologia em estradas e pela redução de atropelamento e mortes de animais nas rodovias brasileiras, a bióloga sul-mato-grossense Fernanda Abra foi recentemente premiada com o Future For Nature Awards 2019, um dos mais importantes prêmios a respeito do meio-ambiente e preservação ambiental do mundo. O prêmio é oferecido anualmente pela ONG holandesa Future For Nature (FFN), em apoio a jovens comprometidos com a causa da preservação da natureza, de espécies animais e vegetais no planeta. A bióloga brasileira recebeu por seu trabalho o valor de 50 mil euros – equivalente a cerca de R$ 220 mil.

A bióloga Fernanda Abra

O reconhecimento é oferecido a partir de uma seleção realizada por um júri internacional, que escolhe oito finalistas para, ao fim, premiar três iniciativas – Fernanda Abras foi premiada entre os 125 inscritos. “Me sinto muito feliz em trabalhar pela conservação de espécies incríveis como a anta, o tamanduá-bandeira, o lobo-guará, a onça-pintada e outros canídeos e felídeos brasileiros, e ser orientada e apoiada por pesquisadores e conservacionistas tão respeitados”, afirmou Fernanda. “Estou muito emocionada e honrada em receber o prêmio Future for Nature. Isso ajudará muito a expandir meus esforços e fazer a diferença na conservação da biodiversidade brasileira.”

Fernanda é uma das fundadoras da consultora ambiental ViaFAUNA, que trabalha com a proteção de faunas silvestres em rodovias, ferrovias e aeroportos. Em parceria com a pesquisadora e coordenadora do INCAB, Patrícia Médici, Abras também trabalha para amenizar o impacto de atropelamentos de antas no Pantanal e no Cerrado no Mato Grosso do Sul. “Ela desempenha um papel fundamental na conservação das espécies brasileiras de mamíferos, pois sabe medir a extensão do impacto dos atropelamentos e, mais importante, sabe como criar estratégias para a mitigação desses impactos.”, diz Patrícia, sobre o trabalho de Fernanda.

As vias alternativas para os animais atravessarem as estradas é uma das soluções do problema

Através de medidas preventivas, coletas e análise de dados, além de programas e treinamentos especiais para motoristas e oficiais de trânsito, o trabalho de Fernanda efetivamente reduz os acidentes, salvando vidas não só de animais como também de seres humanos. “O Brasil reúne todas as condições para ter rodovias mais sustentáveis, tanto para a fauna quanto para as pessoas. Não são poucas as estradas que apresentam alto padrão de engenharia, porém, são raras as que contemplam a fauna silvestre”, afirma. A  entrega do prêmio aconteceu no Royal Burgers ‘Zoo, em Arnhem, na Holanda. O valor em dinheiro oferecido pelo prêmio deve ser obrigatoriamente reinvestido em projetos de conservação ligados ou similares ao projeto vencedor.

Publicidade

© fotos: Arquivo Pessoal


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Golfinhos ficam ‘viciados’ com veneno de Baiacu; veja vídeo