Futuro

Com 83 anos, ‘vovó do Tinder’ já saiu com mais de 50 e prova que não existem limites pra paquera

por: Redação Hypeness

Após criar uma conta no Tinder em busca de sexo casual, Hattie Retroage já saiu com mais de 50 pessoas que conheceu no aplicativo. Aos 83 anos, ela mostra que não está nem aí para os estereótipos e vive a terceira idade com plenitude em Nova York, nos Estados Unidos.

Ex-dançarina, Hattie quer mudar a percepção da sociedade sobre o envelhecimento. O Tinder foi a ferramenta ideal para isso e permitiu que a “vovó” conhecesse meia centena de homens mais jovens.

Entretanto, a vida de Hattie não foi sempre tão agitada. No passado, ela foi casada e relata que teve uma vida sexual maravilhosa ao lado do marido, mas as coisas começaram a esfriar quando os filhos foram para a faculdade. Como resultado, o casal percebeu que era melhor se separar.

Na época, ela tinha apenas 55 anos e o Tinder ainda não existia, nem sequer a internet. Em busca de um novo namorado, Hattie colocou um anúncio nos jornais – e acabou conhecendo muitos paqueras, claro. Entretanto, os encontros demoravam mais para acontecer.

Em uma entrevista, a idosa comentou que chegou a transar com um garoto de 19 anos, mas não sabia da idade dele na época. Ela diz ter se impressionado ao perceber como os homens se preocupam com o prazer da parceira atualmente e considera isso muito diferente do que ocorria quando era jovem.

Hoje, com o uso do aplicativo, os encontros acontecem com mais facilidade e Hattie não vê problemas em levar o crush para cama no primeiro encontro. Afinal, aos 83 anos, ela não tem tempo a perder.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Facebook


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Conheça as mulheres Yarang, que coletam sementes para reflorestar nascentes no Mato Grosso