Diversidade

Conheça a maravilhosa Alice Pang que aos 96 é a modelo mais velha da Ásia

por: Gabriela Glette

Se a grande maioria das modelos inicia suas carreiras ainda na adolescência e se aposenta aos 30 e poucos anos, Alice Pang nos estimula a lutar contra a ditadura da juventude. Aos 96 anos, ela é a modelo mais velha da Ásia – e muito possivelmente do mundo.

alice pang modelo mais velha ásia 1

Tudo começou há 3 anos, quando sua neta viu um anúncio para modelos sênior de mais de 65 anos e enviou as fotos de sua avó, que foi escolhida para uma sessão de teste. Impressionada com o resultado, apesar dela sempre ter gostado de se vestir bem e parecer elegante, nunca considerou ter uma carreira de modelo. No entanto, tudo mudou em muito pouco tempo e hoje ela é reconhecida como uma das melhores modelos seniores da Ásia.

alice pang modelo mais velha ásia 2

Se você pensa que é impossível aprender um novo ofício ou mudar de carreira depois dos 30 anos, a maravilhosa Alice Pang deixa uma lição: No começo eu não sabia como modelar, então meu gerente me ensinou muito e essas meninas me ajudaram com minha maquiagem. Gradualmente, desenvolvi um interesse em modelar e fiquei melhor nisso. Entrei na indústria quando tinha 93 anos e este é o meu terceiro ano trabalhando como modelo. Eu gravei alguns comerciais, cosméticos, câmeras e desenvolvimento comercial. É ótimo ser admirada”.

alice pang modelo mais velha ásia 3

Baseada em Hong Kong, Alice já fez campanhas para marcas prestigiadas, como Gucci e Valentino. Quando questionada sobre o segredo da longevidade, ela é enfática e diz que não segue nenhuma dieta especial, muito menos faz exercícios. No entanto, passou a vida longe do sol e o resultado é esta pele invejável aos 96 anos.

Novas regras da moda

Depois de diversos escândalos, que inclusive resultaram em algumas mortes, a indústria da moda começou a repensar o ideal da magreza e do corpo perfeito. Algumas gigantes do mercado internacional passaram a banir modelos magras demais, tiraram a numeração 34 de suas lojas e passaram a convidar mulheres reais para realizar suas campanhas publicitárias.

Os responsáveis pela iniciativa que promete romper com padrões abusivos no mundo da moda foram os grupos LVMH e Kering, que mantêm grifes como Givenchy, Dior e Louis Vuitton. Nós, mulheres reais, agradecemos!

Publicidade

Fotos: reprodução


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Maternidade compartilhada: Casal de mulheres é primeiro a engravidar junto