Arte

Conheça o legado da artista Amrita Sher-Gil, a Frida Kahlo indiana

por: Gabriela Glette

Artista, feminista, nascida em família abastada e intelectual e dona sobrancelhas escuras e proeminentes, Amrita Sher-Gil tinha muitas coisas em comum à Frida Kahlo, apesar de viverem em lados opostos do mundo e nunca terem se conhecido. Filha de uma cantora de ópera húngara e um aristocrata, o mundo ocidental pouco conhece esta artista, que nos deixa um importante legado, sobretudo às mulheres.

Amrita Sher-Gir 1

Nascida em uma família muito rica e desde sempre presente no mundo das Belas Artes, a principal diferença entre as 2 artistas é que Frida não era propriamente rica – apesar de nada ter lhe faltado. Amrita, no entanto, sempre teve acesso aos melhores tutores e tecnologias mais recentes da época e soube aproveitar dos benefícios materiais que o colonialismo britânico proporcionou aos altos escalões da sociedade.

Amrita Sher-Gil 2

Apesar dessas diferenças, as duas mulheres simpatizavam com os ideais comunistas e socialistas e nunca aceitaram pertencer à quaquer pessoa que fosse. Aos 16 anos, a indiana mudou para Paris, onde conheceu o jornalista Thomas Malcolm Muggeridge, com quem teve um relacionamento rápido e conturbado. Na cidade luz, ela estudou na prestigiada Académie de la Grande Chaumière, a mesma de Picasso, Manet e Cezanne.

Amrita Sher-Gil 3

Grande experimentadora de técnicas, cores e amores, sua arte possui referências de Picasso, Braques e Gauguin. Seu trabalho foi um dos melhores da época, e seu quadro Young Girls (1932) lhe rendeu uma medalha de ouro e uma vaga como associada do Grand Salon de Paris, em 1933. Seria impressionante para qualquer pessoa da idade dela, mas foi particularmente épico, considerando seu sexo e origem étnica.

Amrita Sher-Gil 4

No entanto, mesmo com sua arte penetrante, um dia a artista se deu conta de que a concorrência na França era grande, enquanto a Índia poderia ser sua. Então, em 1934 ela muda para Shimla – na Índia, onde torna-se tão popular a ponto de ter pinturas espalhadas pelo Congresso.

Amrita Sher-Gil 5

A morte de Amrita Sher-Gil

Casando-se com seu primo húngaro Victor Egan, eles viviam na cidade artisticamente vibrante de Lahore –  no Paquistão. O estúdio de Amrita ficava no último andar de sua casa, e ela estava se preparando para assistir um show, quando começou a se sentir mal, e entrou em coma de repente.

Amrita Sher-Gil 6

Alguns dias depois ela morreu, quando tinha apenas 28 anos. Até hoje, há muito mistério em torno de sua morte. Alguns historiadores acreditam que poderia ter sido por causa de um aborto fracassado ou tuberculose, no entanto outros partem da hipótese de que pode ter sido seu próprio marido que a envenenou, já que ele era possessivo, ciumento e violento.

Amrita Sher-Gil 7

Com uma vida tão intensa quanto breve, Amrita deixou um legado de 200 quadros, praticamente todos expostos no Modern Art Gallery de Nova Dehli – Índia.

Amrita Sher-Gil 8

Amrita Sher-Gil 9

Amrita Sher-Gil 10

Publicidade

Fotos: reprodução


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Exposição virtual permite visitar Palácio de Versalhes sem sair de casa