Viagem

Este projeto social está buscando 7 pessoas para viajar o mundo com tudo pago

por: Mari Dutra

A empresa portuguesa YourBestLife está recrutando sete pessoas para viajar o mundo realizando trabalhos de impacto social com tudo pago. As inscrições vão até o dia 31 de outubro e podem se candidatar pessoas que tenham entre 18 e 35 anos e possuam nível intermediário de inglês escrito e falado.

Os candidatos também devem pagar uma taxa no valor de R$ 99, dos quais R$ 10 serão doados para instituições sociais parceiras da empresa. Algumas destas instituições serão apoiadas pelos participantes do projeto, que viajarão durante seis meses realizando atividades que promovam pelo menos um dos três desafios globais: preservação do meio ambiente, proteção da vida selvagem e empreendedorismo social.

A viagem terá início em fevereiro de 2020 e passará por 10 países, localizados em 4 continentes. São eles: Costa Rica, Peru, África do Sul, Ilha da Reunião, Índia, Butão, Myanmar, Indonésia, Irlanda e Portugal.

Os participantes serão remunerados pelas atividades desenvolvidas, recebendo um salário de US$ 1.500 (cerca de R$ 6.000) ao mês. Eles também terão todas as suas despesas pagas, incluindo voos, alimentação, acomodação, seguro viagem, entre outras.

Sete pessoas serão selecionadas no total e a YourBestLife busca participantes com os seguintes perfis: o viajante, o que nunca viajou, o aventureiro, o criador de conteúdos, o comunicador, o escritor e o transformador social. O objetivo é criar um grupo diverso e que se complemente durante a experiência.

Saiba mais sobre o YourBestLife no vídeo abaixo

Publicidade

Fotos: YourBestLife/Reprodução Facebook


Mari Dutra
Especialista em conteúdos digitais, Mariana vive na Espanha, de onde destila textos sobre turismo, sustentabilidade e outros mistérios da vida. Além de contribuir para o Hypeness desde 2014, também compartilha roteiros e reflexões mundo afora no blog e no Instagram do Quase Nômade.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
As 10 cidades mais veganas do mundo em quantidade de restaurantes especializados