Debate

Justiça multa mães de jovens que praticaram bullying em redes sociais em SP

por: Redação Hypeness


O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) condenou mães de duas alunas acusadas de bullying. O caso aconteceu em Marília (SP), em 2014, contra a maquiadora Célia Consuelo de Oliveira, na época com 14 anos. 

A sentença prevê pagamento de R$ 8 mil por danos morais e materiais. Na decisão, os desembargadores argumentam que a vítima sofreu ameaças e xingamentos de duas colegas. Ainda cabe recurso no próprio Superior Tribunal de Justiça.

Célia Consuelo de Oliveira, maquiadora de 20 anos

– Criador de terapia que prometia ‘cura gay’ admite ser homossexual

Ainda segundo eles, o bullying aconteceu nas dependências da escola e foi amplificado via aplicativos de mensagens nas redes sociais. Em conversa com o G1, Célia Consuelo, que está com 20 anos, explica que tudo começou com ‘piadinhas’ e, em seguida, a exclusão de alguns amigos. 

“Eu não podia mais nem sair da sala de aula pra lanchar. Nas redes sociais, eu e minha mãe começamos a receber mensagens ameaçadoras”.

A sentença destaca piora no desempenho escolar da jovem, que repetiu de ano e precisou de atendimento psicológico. As mães das duas alunas vão ter que pagar indenização solidária e bancar os custos da sessões de terapia. 

Por falar em bullying…

A ex-apresentadora Jackeline Petkovic entrou com ação na Justiça para a suspender a expulsão de seu filho de 11 anos de uma escola particular de Alphaville, na Grande São Paulo. 

Por meio de liminar, a Justiça suspendeu a expulsão do filho da modelo. A decisão da Comarca de Santana do Paranaíba, garante o retorno do garoto ao colégio em até 48 horas. A escola ainda pode recorrer.

Segundo ela, a criança é vítima de bullying. “Disseram que meu filho seria expulso por causa de seu comportamento. Mas eles sempre souberam qual era a situação dele. Não é aceitável essa justificativa”, declarou à Época. 

Jackeline reforça que o filho é portador do distúrbio neurobiológico TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), que tem entre os sintomas impulsividade e hiperatividade. 

View this post on Instagram

Várias pessoas me perguntam: – Vc não tem medo? – – – – Abram seus corações, abram suas mentes… – Serei forte e tenho minha consciência limpa, pois eu sei da minha luta e sei que faço o que é correto. Tenho profissionais e especialistas que estão nos orientando e nos guiando, para que seja feito o melhor diante de tudo o que aconteceu. Agradeço o apoio e a força que estou recebendo de toda a imprensa, jornalistas, colegas, amigos e familiares, mães que passam ou passaram por algo parecido, mães de alunos da escola em questão que intercederam pelo meu caso. Agradeço, por respeitarem esse momento que é muito complicado e delicado, obrigada por compreenderem. – E mais um dia… – #insta #instagood #reflexão #apoio #justiça #deus #obrigada #love #força #

A post shared by Jackeline Petkovic (@jackypetkovic) on


Publicidade

Foto: Reprodução/TV Tem


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Meteorito de 5 bilhões de anos é encontrado no quintal de homem condenado por roubo