Empreendedorismo

4 pessoas, que assim como Bettina, derrubaram a máscara da meritocracia

por: Yuri Ferreira

A jovem Bettina, garota propaganda da empresa de investimentos Empiricus pediu desculpas pelo comercial que viralizou no início de 2019, em uma nova campanha da companhia. Após dizer que transformou 1 mil reais em R$ 1 milhão em três anos, a jovem assumiu que seu discurso não era verdadeiro.

“Transmiti uma mensagem equivocada, que ou despertou ganância nas pessoas, ou passou um recado distorcido de que a minha evolução patrimonial aconteceu de maneira fácil, ou rápida. Não era essa a intenção, sinceramente. E principalmente: não é essa a verdade”, esclareceu.

A Empiricus passou por alguns problemas graças ao comercial, como exigência de esclarecimentos do Procon. A campanha de reposicionamento veio mais tarde do que o esperado, mas ninguém esqueceu do caso até agora.

E não foi só a Bettina que aumentou seu próprio sucesso. O Hypeness vai te relembrar de algumas outras pessoas que derrubaram a máscara da meritocracia.

1. Bel Pesce

Bel Pesce mentiu sua formação e sua experiência profissional

Em meados de 2017, a empreendedora Bel Pesce foi do paraíso ao inferno em pouco menos de uma semana. A Menina do Vale do Silício’, alegava ter 5 diplomas no MIT: Ciência da Computação, Matemática, Engenharia Elétrica, Administração e Economia, além de ser fundadora da LemonWallet, empresa de planejamento financeiro norte-americana.

O blogueiro Izzy Nobre desmascarou a empreendedora, que possuía formação apenas em Administração e Engenharia Elétrica – o que não era pouca coisa, mas ela deu uma aumentadinha. Além disso, a jovem foi apenas funcionária da Lemon Wallet. Depois disso, Bel Pesce nunca mais conseguiu alcançar a visibilidade de antes.

2. Billy MacFarland (‘Fyre Festival’)

Billy MacFarland encabeçou uma das maiores fraudes da história

O ‘Fyre Festival’ foi um dos maiores fracassos da história do entretenimento mundial. O evento, promovido por celebridades como Kendall Jenner e Bela Hadid, ganhou proporções astronômicas e teve um tombo do mesmo tamanho.

O festival, que tinha como foco milionários americanos, não cumpriu as experiências prometidas, que se transformaram em um completo pesadelo para as milhares de pessoas que se deslocaram dos EUA até o Caribe para aproveitar a festa.

O fundador, Billy MacFarland, foi preso acusado de fraude e estelionato. Antes disso, no entanto, andava em meio a diversas celebridades e fingia ser milionário. Foi assim que conseguiu os contratos para realizar o festival. Quando chegou a hora, a casa caiu. O Hypeness contou como Ja Rule caiu no conto do Fyre e na lábia de Billy MacFarland.

3. Luis Miranda USA

Luís Miranda é acusado de calote

O hoje deputado Luis Miranda USA conquistou visibilidade no Distrito Federal após ostentar sua maneira de levar uma vida de riquezas e fortunas. Furto de seu trabalho nos Estados Unidos. Porém, muito além dos milhões de likes no Facebook e 65 mil votos nas últimas eleições, Luis Miranda foi desmascarado por ter um passado sombrio.

O deputado foi acusado de golpes e calotes no Brasil e nos Estados Unidos. Entre o que deve para o governo e para investidores que tomaram calote, Luis precisa pagar  mais de 9 milhões de reais. Apenas no Brasil. Ele foi acusado ainda de ameaçar de morte um investidor que pediu o dinheiro de volta.

4. Bernard Madoff

Bernie Maddof era chefe de um esquema de pirâmide bilionário

Bernard Madoff era um dos mais respeitados homens de Wall Street. Em clubes de golfe e restaurantes da alta sociedade, o empresário se valia de uma tecnologia até então desconhecida para prometer investimentos com lucros altíssimo. Madoff convenceu bancos, fundos de investimento e brokers renomados do centro econômico do mundo durante anos. Mas no final das contas, era tudo uma farsa.

Através do dinheiro dos empresários que entravam, ele pagava os investidores anteriores… exatamente como funciona um esquema de pirâmide. Bernard foi condenado a 150 anos de prisão por suas fraudes financeiras que chegaram a 110 bilhões de dólares.

Publicidade

Fotos: foto 1: Reprodução/Wikimedia Commons/foto 2: Reprodução/Wikimedia Commons/foto 3: Reprodução/Instagram/foto 4: Reprodução/Wikimedia Commons


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @yurifen.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Periferia é potência: mais de 60% dos domicílios do Complexo da Maré são próprios