Ciência

Estudo pioneiro aponta que aspirina pode reduzir danos da poluição do ar pela metade

por: Vitor Paiva

Desenvolvido em meados do século XIX, a Aspirina é um dos mais revolucionários e consumidos medicamentos da história da farmacologia. Estima-se que anualmente cerca de 44 mil toneladas, equivalentes a 50 a 120 bilhões de comprimidos, sejam ingeridos por ano em todo mundo, a fim de combater dores, febres e inflamações em males diversos. Um estudo recente sugere uma nova e surpreendente utilidade para anti-inflamatórios não esteroides como a Aspirina: amenizar os efeitos da exposição à poluição do ar em nossos pulmões.

O estudo, realizado pela Columbia Mailman School of Public Health, a Harvard Chan School of Public Health e a Boston University School of Medicine, se baseou em informações médicas coletadas de 2,280 veteranos com faixa etária ao redor de 73 anos, da cidade de Boston, nos EUA, a partir de testes para determinar suas capacidades pulmonares. Diversos fatores foram considerados a partir do uso ou não de anti-inflamatórios não esteroides.

O resultado isolou os fatores e mostrou que esse tipo de medicamento é capaz de reduzir pela metade os efeitos da poluição do ar. “Nossas descobertas sugerem que a Aspirina e outros anti-inflamatórios não esteroides podem proteger os pulmões de males em curto-prazo provocados pela poluição”, diz um dos autores, Xu Gao, pesquisador e doutor. “É claro que ainda é fundamental minimizar nossa exposição à poluição, que é causador de outros diversos males, de câncer a doenças cardiovasculares”, diz. Novas e mais profundadas pesquisas já estão sendo realizadas para determinar com maior objetividade o motivo desse efeito, mas especula-se que os medicamentos reduzem justamente as inflamações provocadas pela poluição em nossos pulmões.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Este lindo céu roxo no Japão era na verdade um alerta de perigo