Debate

O que podemos aprender com o pedido de socorro do filho de Alex Escobar nas redes

por: Redação Hypeness

Alex Escobar, apresentador da TV Globo, teve sua relação exposta pelo próprio filho. Pedro, de 19 anos, usou as redes sociais para desabafar no que classificou como pedido de socorro. 

– Por que alguns pais estão optando por manter o gênero da criança em segredo após o nascimento

O jovem, que se diz depressivo, acusa o pai de não acreditar na existência da doença. Pedro revela ter pensado em se matar e que Alex Escobar ficou três meses sem falar com ele depois que se assumiu homossexual

“O meu pai é o apresentador do Globo Esporte, Alex Escobar, e depois de sofrer muitos abusos da parte dele, eu decidi expor e me manifestar. Eu tenho depressão há 5 anos. Desde que ele descobriu que eu era gay e passou três meses sem falar comigo. Depois disso as coisas só foram piorando mais”, diz. 

Alex Escobar e o filho, Pedro

E acrescenta, “em dezembro de 2017 eu tive uma tentativa de suicídio onde eu tomei uma grande quantidade de remédios e fiquei internado. Nesta ocasião, a única ação dele foi me dar uma bronca e dizer que sou um ingrato por fazer isso”. 

Na série de postagens no Twitter, Pedro disse que o pai “nunca paga pensão e que deveria pagar”. 

“O salário dele é de R$ 80 mil e, fazendo os cálculos, deveria dar R$5.300 (por dividir com minha irmã) por mês, até os 24 anos ou enquanto eu continuar estudando. Porém, no começo desse ano ele me mandou um áudio se recusando a me oferecer qualquer tipo de estudo. Eu tive uma discussão com a minha irmã, que também foi extremamente abusiva comigo durante toda a minha vida, e provavelmente ela foi falar com ele”. 

Os tuítes foram apagados na sequência. 

O outro lado 

Procurado pelo blog de Leo Dias, Alex Escobar se defendeu e negou as acusações do filho. “Estou sendo injustiçado. Pergunta para as pessoas que me conhecem, que convivem comigo. Nossa família”.

O apresentador da Globo nega as acusações do filho

O jornalista da Globo alega que os argumentos de Pedro são “totalmente mentirosos”. “Eu tenho a minha consciência muito limpa de que não sou o que ele descreve. Estamos todos muito tristes. É muito injusto”, complementa. 

Masculinidades e machismo

Delicado, o caso sublinha a necessidade de um diálogo amplo sobre saúde mental, masculinidades e machismo. Não nos cabe dizer quem está com a verdade. Contudo, a exposição de assuntos sensíveis como orientação sexual, relações familiares e depressão não contribuem para muita coisa. 

Mesmo assim, a insatisfação não é novidade e outros pais ‘famosos’ foram acusados de falhas na relação pelos próprios filhos. Assim como fez Pedro Escobar, Mayã Frota disse que Alexandre Frota não o reconheceu como filho. O deputado federal se defendeu e definiu o jovem de 19 anos como parte “dessa geração revoltadinha”. 

Filho de Edmundo, Alexandre fez documentário sobre abandono parental

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, teve torcida contra do próprio filho. Sem justificar, Erick lamentou a eleição do próprio pai nas redes sociais. “Um dia triste para a história do nosso estado e do nosso país”, postou no Instagram. 

Talvez a compreensão para a insatisfação de filhos de personalidades – um reflexo da realidade social do Brasil – esteja na fala de Alexandre Mortágua. O rapaz é fruto do relacionamento de Edmundo com Cristina Mortágua. 

Em entrevista ao Hypeness, o cineasta reclama da ausência de homens em debates sobre masculinidades, o que para ele tem relação direta com o machismo. O filho do ex-jogador de futebol canalizou a relação inócua com Edmundo na arte e o resultado é um documentário sobre abandono parental. 

“Eu não vejo homens dispostos a discutir masculinidade/paternidade com o mesmo afinco que discutem a descriminalização do aborto. Mas é uma discussão pop, né? Eu também acho um erro excluir essa discussão da política institucional mas isso são outros quinhentos. Minha esperança é essa geração mais nova (ainda) que eu. Boto muita fé neles”. 

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Sem indicações para atores ou atrizes negras, BAFTA anuncia que irá rever método de seleção