Tecnologia

Os drones se tornaram parte de nosso cotidiano: como cuidar desse gadget?

por: Redação Hypeness

O que nasceu quase como um objeto fantástico, uma traquitana saída de um filme de ficção científica, tornou-se, na vida real, algo comum – ainda que revolucionário: quem poderia acreditar que um veículo aéreo não tripulado ou, em suma, um aviãozinho sem piloto controlado por controle remoto, se tornaria um brinquedo recorrente em nossas casas e, ao mesmo tempo, um gadget capaz de revolucionar as mais diversas indústrias? Os drones surgiram em seus primeiros modelos nos anos 1960, para uso estritamente militar – mas exigiam até 30 pessoas para serem operados. Hoje tornaram-se máquinas leves, de fácil operação, e parte do cotidiano brasileiro – para diversão e também para assuntos sérios.

 

No Brasil a popularização dos drones começou por volta de 2013 e, desde então, revelou-se um mercado efetivamente bilionário pelo mundo – no Brasil os números estimados aproximam-se da casa dos 100 milhões de dólares. Seu uso mais recorrente costumava ser para filmagens aéreas e especializadas, e rapidamente tornou-se um gadget recorrente dentro da indústria do cinema para os filmes mais diversos.

Mas sua utilidade parece mesmo ser infinita: drones vem ajudando a monitorar desmatamentos e plantar árvores, encontrar biomas e mesmo flores consideradas extintas, monitorar caça ilegal de animais e até fazer a segurança de shoppings – além de trazer diversão para quem o pilota, em máquinas capazes até mesmo de mergulhar na água, e até nadar.

Se drones mais básicos já são vendidos a preços baixos no Brasil, um aparelho especializado pode chegar à casa das dezenas de milhares de dólares – o que exige especial cuidado no manuseio e na própria segurança dos drones. Assim, algumas dicas são fundamentais para se cuidar de um: antes de voar, preparar uma lista com tudo que se faz necessário (como baterias, carregadores, etc…) e preparar, como em um avião, um plano de vôo – compreendendo tudo que pode afetar e atrapalhar o uso da máquina. Outro elemento determinante é o clima: temperaturas muito altas podem afetar o drone, assim como umidade, chuva e vento.

Trata-se, afinal, de um aparelho na fronteira entre o brinquedo e o equipamento profissional – e que, por isso, torna-se um objeto efetivamente caro e de cuidado precioso. Cuidar das baterias e do armazenamento do seu drone – em locais de clima controlado, nem tão quente ou tão frio, assim como mantê-lo limpo e devidamente protegido irá aumentar a vida útil do aparelho – é uma maneira de cuidar do próprio dinheiro investido e do rendimento que se oferece, quando de seu uso profissional. Nada disso, porém, garante mais e melhor a proteção do equipamento e, consequentemente, seus rendimentos do que um seguro – e sim, já é possível contratar um para seu drone.


A MAPFRE é, ao fim, a melhor solução para o cuidado de seu drone. Todos sabemos, porém, que esse seguro é uma novidade tanto para você como para o mercado. Para isso, o primeiro passo a ser dado é acessar o projeto MAPFRE Explica: um site que explica os detalhes sobre essa nova proteção que seu equipamento pode contar. 

A ideia é simplificar o processo de compra de seguros por meio do portal, para diluir qualquer receio ou dúvida do contratante. A seguradora já possui uma frente de seguro projetada para drones, e perguntas sobre aplicação, cobertura e outras dúvidas para se chegar ao melhor seguro para cada situação são tiradas por meio do MAPFRE Explica. Vale lembrar, no entanto, que o seguro de drones só é aplicado para uso profissional.

 Antes de seu próximo voo, portanto, conferir sua checklist é fundamental. Manutenção da máquina, limpeza, bateria, carregadores, plano de voo, temperatura e condições climáticas, tudo isso deve estar perfeitamente alinhado e estabelecido. E para o voo efetivamente acontecer em céu de brigadeiro – ou com fluidez em águas límpidas – a contratação de um seguro garante a saúde de sua máquina e de seu bolso. Bom voo!

 

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Black Friday’ da Amazon tem produtos com até 80% de desconto