Debate

SBT terá que se explicar na Justiça sobre concurso de miss infantil de Silvio Santos

por: Yuri Ferreira

Um concurso que avalia cinturas, colos e pernas de crianças entre 7 e 8 anos. Na televisão. Não, você não leu errado. O ‘Programa Sílvio Santos’ exibiu, no dia 22 de setembro um concurso de miss infantil que julgava meninas pré-púberes pelos seus corpos em trajes de banho. Sim, é tão bizarro quanto soa.

Imagens do concurso de miss infantil

A Promotoria de Justiça de Osasco notificou o SBT, emissora do programa, exigindo explicações sobre o que aconteceu. Segundo o órgão público, o canal deveria ter apresentado uma liminar que autorizasse a realização desse tipo de concurso, garantindo que os direitos das crianças participassem fossem respeitados. Entretanto, a Justiça viu irregularidades e notificou a rede de televisão por essa… bizarrice.

“Agora, vocês do auditório, que estão com o aparelhinho [de votar], vão ver quem tem as pernas mais bonitas, o colo mais bonito, o rosto mais bonito e o conjunto mais bonito”, disse o apresentador  Silvio Santos durante o concurso de beleza. A assessoria do SBT falou que não vai se pronunciar sobre o caso.

Em entrevista ao Estado de São Paulo, a procuradora do Ministério Público de São Paulo Ana Maria Vila Real disse que é importante estar atento contra a sexualização de menores. “As crianças podem estar sujeitas a erotização e sexualização precoces, a situações adultas, a desgastes emocionais, constrangimentos e exposições”, afirmou.

Reincidente

Não é a primeira vez que o apresentador Sílvio Santos demonstra comportamento questionável com crianças em seu programa. Recentemente, o dono do SBT perguntou a uma criança se ela preferia “sexo, dinheiro ou poder”. A indiscreta pergunta gerou muita polêmica na internet, levantando o debate público sobre as atitudes de uma das maiores figuras da história da televisão brasileira.

Recentemente o SBT também causou polêmica com um novo programa que foi inserido na grade da emissora. O ‘Alarma TV’, telejornal de cunho sensacionalista exibido nos EUA com foco no público latino, foi colocado logo antes do Bom Dia e Cia. Pra você ter uma ideia, a atração é exibida após as 10 da noite em terras americanas. No Brasil, começa às 10h30 da manhã. Em uma das primeiras exibições, uma reportagem sobre um brinquedo sexual no ânus veio logo antes de um dos programas infantis mais conhecidos do Brasil.

O novo programa sensacionalista exibido nas manhãs do SBT

Sílvio costuma usar e abusar da inconveniência, do machismo e do racismo em seu programa. As gafes do apresentador já tem levado dúvidas há alguns anos sobre sua capacidade de comandar um programa de auditório e sua capacidade de sua atualizar à questões modernas, como os direitos LGBT, a luta contra o racismo e o feminismo.

“Há casos recentes de padrões de estéticos, com indícios de racismo, reprodução de estereótipos de gênero, que são propagados pela mídia e são prejudiciais, ainda mais considerando o cenário de desigualdade de gênero. O Brasil é o quarto país do mundo em quantidade de casamentos infantis envolvendo menores de 18 anos. Então, todo o discurso veiculado por esses programas de grande alcance é negativo e acaba naturalizando e enfraquecendo a proteção aos adolescentes e crianças”, afirma Thais Dantas, advogada membra do Instituto Alana, que batalha pela proteção da criança e do adolescente.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Youtube


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @yurifen.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
#OndeDói: Mulheres usam hashtag para expor abusos médicos