Debate

Uber lança ‘corridas silenciosas’ para evitar papo na viagem e gera debate sobre conexão humana

por: Yuri Ferreira

A Uber anunciou uma mudança em seus serviços nessa semana. Junto com a transição do ‘Uber Black’ para o ‘Uber Comfort’, a empresa americana revelou uma nova funcionalidade polêmica para os usuários que pedirem uma corrida de alta classe. A opção de ‘corrida silenciosa’ será adicionada para os que não desejam conversar com o motorista.

Uber dá ao usuário nova opção de ‘corrida silenciosa’

Além disso, no ‘Uber Comfort’, que será mais caro que o popular X, o passageiro poderá controlar temperatura do ar-condicionado. Mas, para falar a verdade, a medida da empresa que realmente criou polêmica nas redes sociais foi a de corridas silenciosas. Enquanto alguns adoraram a nova funcionalidade, outras pessoas ficaram revoltadas com a notícia.


Será realmente que uma pequena conversa – o famoso small talk – é tão desconfortável que você deveria pagar por isso? O debate acendido nas redes sociais leva para questões centrais sobre a maneira como lidamos com o mundo graças a tecnologia. Será que perdemos a capacidade de interagir? Será que nossas relações foram dominadas pelos nossos celulares?

Tecnologia e sociabilidade

Muita gente afirma que a tecnologia afeta profundamente nossa capacidade de sociabilidade. A formação de bolhas ideológicas e sociais nos retirou a capacidade de lidar com o diferente? Nos tornamos menos afetivos ao desconhecido? É difícil afirmar objetivamente que ‘sim’ ou ‘não’, mas a atitude da Uber levantou um debate interessante.

Alex Gross é um crítico ferrenho da tecnologia em sua obra

A conversa sobre os impactos das redes sociais e da tecnologia no nosso lifestyle não é de hoje. Em 2017, o artista Alex Gross fez a série ‘Antisocial Network’ ou ‘Rede Antisocial’ para debater os efeitos desses serviços que não nos atinge como seres humanos em si, mas acaba dificultando muito a vida em sociedade.

“Sinto que a emoção mais presente nessas obras é a letargia, uma falta de estar realmente presente”, disse o artista sobre suas obras e o estado letárgico que temos enquanto estamos nas redes sociais.

 

 

Publicidade

Fotos: foto 1: Reprodução/Instagram/foto 2: Alex Gross/Reprodução


Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Humor de alguém tirando sarro do outro não faz muito sentido para mim’, diz Monica Iozzi