Ciência

Benefícios do contato com a natureza para crianças é mapeado em estudo

por: Redação Hypeness

Uma pesquisa publicada em novembro pela Universidade de Londres indica que crianças devam passar pelo menos uma hora por dia em contato com a natureza.

O levantamento levou em consideração entrevistas realizadas com 451 crianças entre 8 e 9 anos de idade. Foram feitas perguntas sobre seu bem-estar e saúde antes e depois de que os pequenos participassem de uma atividade ao ar livre conduzida pela organização Wildlife Trusts.

Ao término das ações, 90% das crianças declarava ter aprendido algo novo sobre a natureza. Além disso, 79% delas indicaram que a experiência podia ajudá-las na escola e 81% afirmou que sua relação com os professores mudou graças ao projeto.

O impacto mais interessante talvez seja o menos visível. 8 em cada 10 participantes disseram se sentir mais confiantes após as atividades, enquanto 84% deles afirmaram se sentir mais capazes de fazer as coisas que tentassem.

A pesquisa comprova o que já podíamos deduzir: que o contato com a natureza traz inúmeros benefícios. “Em um mundo onde vemos tanta falta de autoconfiança e resiliência, estes índices são muito importantes”, destaca o diretor de estratégias da Wildlife Trusts, Nigel Doar.

Apesar de tantos pontos positivos, outro estudo aponta que apenas 1 em cada 10 crianças britânicas tem acesso a áreas verdes. O número era quatro vezes maior entre os adultos, na época de sua infância.

Agora, a organização pede que o governo do país inclua uma hora diária de contato com a natureza para os estudantes nas escolas. O objetivo é que eles continuem tendo acesso a áreas verdes e, assim, possam se desenvolver melhor.

Publicidade

Fotos via Unsplash


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
80% dos adolescentes do mundo são sedentários, aponta estudo