Criatividade

Estas garotas de 16 e 18 anos superaram todos os limites da maquiagem

por: Gabriela Glette

Mais do que valorizar os rostos, evidenciando alguns traços e escondendo outros, as duas irmãs inglesas Charlotte e Abby Roberts decidiram quebrar as fronteiras da maquiagem. Para as inglesas – de 16 e 18 anos, esta arte é a oportunidade de transformar qualquer pessoa em personagem da cultura pop, monstros, ou em uma versão mais dramática delas mesmas.

irmãs maquiadoras 1

Estrelas do Instagram, onde colecionam cada vez mais fãs, para elas a maquiagem é uma questão de talento, presente em suas vidas desde a infância: Comecei a praticar maquiagem por diversão com 11 anos de idade, então faço maquiagem há 7 anos, mas eu diria que só comecei a levar a sério e fazer as coisas criativas que você vê hoje 1- 2 anos atrás“, explicou a mais velha – Abby.

irmãs maquiadoras 2

Seguindo os passos da irmã, Charlotte acabou seguindo pelo mesmo caminho: “Abby realmente me inspirou a começar a experimentar maquiagem e também a assistir a muitos tutoriais de maquiagem do YouTube”.

irmãs maquiadoras 3

Talentosas e extremamente criativas, as jovens estão promovendo uma verdadeira desconstrução de padrões nas redes sociais. Afinal, o que é o belo? Para elas, ele está longe de ser o rostinho perfeito estilo boneca, o que às vezes acaba assustando os seguidores. Sócias, melhores amigas e irmãs, inspire-se nesas gênias autodidatas da maquiagem para a sua próxima super produção!

irmãs maquiadoras 4

A origem da maquiagem

Longe de ser fruto da sociedade moderna, os mais antigos indícios de maquiagem achados por arqueólogos datam do Egito Antigo, por volta de 3000 antes de Cristo. Nesta época, o único material disponível era o kohl – aquele pigmento preto ainda usado para lápis pretos.

irmãs maquiadoras 5

Após a queda do Império Romano, o uso desses produtos foi praticamente abandonado, para  ressurgir com força total a partir do século XV, quando a Itália e a França se tornaram os principais fabricantes de produtos de beleza do mundo.

Publicidade

Fotos: Instagram


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Este café coberto com chantilly negro fosco quer ser o café preto mais preto do mundo