Arte

Festival Marighella critica censura a filme com bandas, saraus e intervenções

por: Vitor Paiva

Seja qual for a orientação política de cada um, a liberdade de expressão é um princípio irrevogável – e o cancelamento do lançamento do filme “Marighella”, de Wagner Moura, pela Agência Nacional do Cinema (Ancine), deve ser repudiado por todos. Para defender essa premissa e responder ao caso o Festival Marighella Contra a Censura trará bandas, saraus e outras intervenções artísticas para o bairro do Butantã, em São Paulo.

O filme teria sido lançado no último 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, e festival acontecerá no próximo fim de semana dos dias 23 e 24. Além das expressões artísticas, o festival trará também culinária e economia solidária. No sábado, a banda As Despejadas chamará atenção para a luta da população negra, e lançará a música “Vestido de preto”. A programação do festival traz também Cabaré, Astronautas, Dolores, Clarena, República, Dbuenas, Zapaderin, 011 Nigg4’z , Kaifaze e Alda.

A banda As Despejadas

O Festival Marighella Contra a Censura acontecerá no Boteco Socialista – bar, casa de show, espaço multicultural e gastronômico que conta com atividades e programação fixa como Feijoada Vegana, Terça Trans, Sábado LGBTQI+ e Sexta Feminista.

Seu Jorge em cena do filme ‘Marighella’, de Wagner Moura

Serviço: Festival Marighella

Quando: Dia 23, das 11h ao dia 24 às 23h

Show d’As Despejadas – Dia 23 às 20h

Onde: Boteco Socialista – Terraço na Avenida Corifeu de Azevedo Marques, 1880 – Butantã

 

 

 

Publicidade

© fotos: divulgação/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Bebê Yoda’ enlouqueceu a internet. Mas, afinal, do que se trata?