Viagem

O incrível templo construído para um rei dentro de uma caverna na Tailândia

por: Gabriela Glette

Receber convidados em casa é uma verdadeira arte que poucos dominam. No entanto, esta construção talvez tenha alguma coisa a nos ensinar. Em uma região remota da Tailândia, os próprios moradores desta pequena comunidade decidiram construir o Templo Khuha Kharuehat, quando a cidade recebeu o rei Chulalongkorn  – conhecido como Rama V. Dentro de uma caverna, localizada na província de Prachuap Khiri Khan, à medida que os raios de sol penetram, o templo fica dourado, recompensando os visitantes com uma visão espetacular.

pavilhão dourado tailândia 1

De difícil acesso, este hoje é um dos símbolos da Tailândia mais procurados pelos turistas, que desejam conhecer esta bela homenagem ao “grande rei amado”, apelido que o monarca era conhecido. Localizado dentro do Parque Nacional Khao Sam Roi Yot, ao norte da península malaia, é preciso algum esforço para chegar ao templo.

pavilhão dourado tailândia 2

Primeiro, é preciso chegar à Bang Pu. A partir daí, é possível caminhar 30 minutos subindo uma colina ou pegar um barco até a praia de Laem Sala. Mas este não é nem metade do caminho. Depois disso, é necessário subir cerca de 1 quilômetro pela floresta para chegar ao teto aberto da caverna. Embora possa não parecer muito, a subida íngreme e irregular pode ser difícil para quem não está em boa forma.

pavilhão dourado tailândia 3

Apesar da dificuldade, quem já foi garante que vale a pena. A vegetação abundante da caverna, com os raios de sol e o pavilhão dourado nos oferecem uma visão surreal da qual não temos a sorte de ver todo dia. Porém, é preciso planejar a visita, já que existe uma hora exata que os raios de sol penetram no templo – entre as 10h e 10h30.

pavilhão dourado tailândia 4

Uma verdadeira prova do espírito cortez e gentil dos tailandeses. Um tesouro escondido que nos mostra que, um dia, os políticos já foram amados e respeitados.

pavilhão dourado tailândia 5

 

Publicidade

Fotos: divulgação


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Butão: o ‘país mais feliz do mundo’ é eleito o ‘melhor lugar para visitar em 2020’