Debate

Por que os posts ‘família’ de Rodrigo Hilbert fazem tanto sucesso

por: Gabriela Glette


Ator, modelo, cozinheiro, apresentador, galã, dono de casa, marido, pai exemplar, marceneiro e ferreiro. Qual outro título Rodrigo Hilbert merece? Ele já assumiu publicamente que não aceita ser chamado de “homão da porra”, mas é preciso reconhecer que o marido da Fernanda Lima é um dos maiores exemplos – se não o maior, do que esperamos de um homem hoje. Com mais de 3 milhões de seguidores no Instagram, o catarinense de 39 anos vem desconstruindo lindamente a masculinidade tóxica, com multidões de pessoas compartilhando seus posts, que fazem cada vez mais sucesso.

rodrigo hilbert 1

Porém, mais do que inspirar milhares de homens e mulheres, por que as postagens de Rodrigo fazem tanto sucesso? No país que ocupa o 5º lugar no ranking mundial de feminicídio, o artista tem plena consciência do alcance de sua popularidade e vem prestando um verdadeiro serviço à sociedade brasileira.

rodrigo hilbert 2

Rasgando e jogando no lixo a masculinidade tóxica que trata mulheres como mercadoria, o artista ignora elogios pelo fato de cuidar dos filhos, participar ativamente das tarefas domésticas, apoiar publicamente a esposa e saber cozinhar. Suas redes sociais estão recheadas de postagens que enchem os olhos de qualquer brasileiro, que um dia gostaria de ser um décimo do que este homem representa. Ele, que já defendeu a esposa publicamente após ataques de haters, recentemente publicou um vídeo no qual montava o berço da nova filha do casal, Maria Manoela – nascida no final de outubro. E o público mais uma vez caiu de amores.

View this post on Instagram

❤️

A post shared by Rodrigo Hilbert (@rodrigohilbert) on


Tanto amor é combustível para páginas do Instagram, como a “Alguém pare o Rodrigo Hilbert“, que o nomeia como patrimônio nacional. Pai presente e marido carinhoso, é justamente o fato de ele negar abertamente a masculinidade tóxica, que parece ser o combustível do sucesso cada vez maior nas redes sociais. E isto abre um questionamento importante: não negaremos que de fato ele é um “homão da porra“, mas até quando iremos aceitar homens que se esquivam das tarefas domésticas, são pais apenas de fachada e continuam tratando as mulheres como objetos?


O sucesso de suas postagens é a prova de que existe uma lacuna imensa a ser preenchida no Brasil. E de que as pessoas, felizmente, estão começando a se questionar em relação ao casamento, à paternidade e os papéis dos homens e mulheres na sociedade. Obrigada, Rodrigo Hilbert, por ser o estereótipo necessário de como todos os homens deveriam, mas não ousam ser.

Publicidade

Fotos: Instagram


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Mulher amputa os pés depois de infecção causa por coletor menstrual