Ciência

Quanto tempo dura uma brisa? Estudo analisa efeito do THC no corpo humano

por: Yuri Ferreira

“Parece que faz muito tempo. Mas será que faz? Tô confuso. Será que ainda tô chapado? Ou já fiquei sóbrio e não sei? Será que já está na hora de bolar outro? Ou será que eu fumei e esqueci? Não… quer dizer, não sei!”

Esta é uma sequência de pensamentos que já aconteceu com boa parte das pessoas que fumam maconha. Quando é que a brisa acaba? Será que tem hora pra acabar? Seus problemas acabaram: temos a resposta!

A duração de uma onda pode variar muito, e vários fatores podem entrar em jogo. Portanto, caro amigo maconheiro, pegue lápis e papel, e se prepare para fazer uma equação (se você conseguir e não acabar se desconcentrando com qualquer outra coisa no meio do caminho. Sério. Volta aqui.) O tempo de uma brisa é igual a essa simples equação:

Tempo de onda = [(quantidade x concentração) / (velocidade do metabolismo x resistência)] / meio de ingestão.

– Weedmaps Museum: museu dedicado à maconha é inaugurado em Los Angeles

Ok, ficou complicado né? E também não existem números exatos para “resistência à maconha”, mas vamos tentar te explicar.

Quanto maior a quantidade e maior a qualidade da maconha que estiver sendo ingerida, maior a duração do efeito. Se você tem um metabolismo rápido resistência, os efeitos da maconha serão mais rápidos e durarão menos.

Isso porque quanto mais rápido um metabolismo, mais capaz de eliminar as partículas de THC do seu sangue. E quanto mais resistência ao THC, menos o seu cérebro irá ser afetado pela substância. A questão de quantidade e qualidade é mais óbvia, a maior ingestão levaria, inevitavelmente, a uma prolongação do efeito.

– NY é o mais novo estado dos EUA a descriminalizar a maconha

Mas e o meio de ingestão? Então, aqui está a grande diferença. Fumar um baseado vai te deixar com uma onda média de 1 a 2 horas. A ingestão por maneira comestível (brownies, cookies e outras coisas da culinária canábica) pode ser a mais prolongada, com ondas que podem durar de 3 a 4 horas ou mais.

Se ingerida como bebida ou comida, a maconha tem um efeito maior no organismo

Outro fator que pode influenciar, por exemplo, é a maneira como a fumaça seria consumida. A inalação por cigarros queima parte substancial do que poderia ser consumido. Bongs aproveitam mais o THC. Por último, os vaporizadores extraem as partes mais importantes do fumo. O método de queima alterará a relação concentração x quantidade, aumentando o tempo de onda. Mas isso não variará muito entre 1 e 2 horas, pode ficar tranquilo.

Isso não demonstra quanto tempo a maconha fica no seu organismo. Vestígios de THC podem ficar por até 1 mês no seu corpo, então, isso não tem muita conexão com a duração de sua onda. No mais, é isso. Acho que agora você tem uma ideia do quanto vai durar sua brisa.

– Larica: Estudo diz que legalização da maconha aumentou consumo de junk food

Publicidade

Fotos: © Getty Images


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @yurifen.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Como os materiais magnéticos podem ajudar a remover o petróleo da água