Inspiração

Samu para animais é aprovado pela Câmara; saiba mais

por: Yuri Ferreira

A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou em primeiro turno a criação do SamuVet, um serviço ambulancial destinado à animais para oferecer primeiros socorros e transporte para animais para hospitais veterinários em risco de saúde.

A proposta do deputado distrital Roosevelt Vilela (PSB) foi elogiado por ter como foco o cuidado de animais de rua que estão sob risco de vida, animais atropelados ou em situação de maus tratos. Se aprovado em segundo turno e ser aprovada pelo governador Ibaneis Rocha, o SamuVet será destinado a todos os residentes do Distrito Federal e autoridades públicas – como a Polícia Militar e o Exército – para realizar atendimentos aos animais.

– Homem junta dinheiro por 10 anos para comprar ambulância e salvar animais abandonados

“Os veículos do SamuVet serão equipados com uma infraestrutura semelhante à de um pequeno hospital, permitindo que o atendimento aos animais seja realizado dentro das normas de segurança e higiene necessárias ao desempenho da medicina veterinária”, diz o projeto de lei.

Esse não é o primeiro serviço público de SamuVET do Brasil. Salvador, Pouso Alegre-MG, Florianópolis e Cachoeirinha-RS, já contam com serviços similares, administrados por ONGs ou pelo próprio serviço público da cidade. Entretanto, esse projeto de lei tem como inovação delegar ao Estado a responsabilidade pelo transporte e pelo cuidado aos animais.

O Distrito Federal conta com o HVEP, o Hospital Veterinário Público, localizado em Taguatinga, que será responsável, em caso de aprovação, pelo cuidado dos animais. Ao contrário dos outros SamuVets implantados até então no país, o projeto de Roosevelt Vilela exige que o serviço seja prestado 24h por dia.

– Veterinária do exército se arma e vai para a savana defender animais selvagens

[O SamuVet] trará grandes benefícios sociais e ambientais para DF, além de contribuir para a conscientização da população sobre a importância de um tratamento digno aos animais”, afirmou o deputado proponente do projeto ao Correio Braziliense, justificando o projeto de lei.

Não existe nenhuma previsão da votação em segundo turno, que colocará o projeto na mesa do governador Ibaneis Rocha.

Publicidade

Fotos: © Getty Images


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @yurifen.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Esposa compartilha fotos inéditas do ‘caçador de crocodilos’ Steve Irwin e seu filho