Fotografia

Ensaio une delicadeza do balé com alma cosmopolita de NY e o resultado é lindo

por: Gabriela Glette

Uma das danças mais antigas da história da humanidade, o balé surgiu na Idade Média, mas com o passar do tempo foi se modernizando. Entretanto, esta dança que já inspirou artistas, compositores e pintores, continua vivendo no imaginário de muita gente, como por exemplo o fotógrafo porto-riquenho Omar Z. Robles. Baseado em Nova York, ele encontrou uma maneira incrível de homenagear esta arte, fotografando bailarinos na frenética e cosmopolita cidade de Nova York.

balé em Nova York 1

Especialista em fotografar corpos em dança, o artista combina lindamente as poses de bailarinos experientes, com paisagens urbanas, muitas vezes frias e desconcertantes. Poças de água, engarrafamentos, pontos de ônibus e sob uma intensa chuva. Foram estes os cenários que os dançarinos se apresentaram, em meio a uma cidade que não para nunca. Segundo Robles: “Os dançarinos de balé nos fazem sentir como se seus movimentos fossem realmente sem esforço. É essa graça e elegância que nos hipnotizam.”

balé em Nova York 2

O fotógrafo costuma registrar apresentações públicas e trabalha com as maiores companhias de balé do mundo, entre elas a American Ballet Theatre, Dance Theatre of Harlem, Ballet Concierto De Puerto Rico e a Alvin Ailey American Dance Theatre.

balé em Nova York 3

Para ele, a fotografia é um excelente modo de comunicação não-verbal e esta série foi pensada com um objetivo bastante claro: “Quebrar a norma do cotidiano, a monotonia do nosso modo de vida e retratar um mundo em que poderíamos nos mover sem as rígidas regras de etiqueta. Para capturar a idéia de ausência de peso ou pairar pela cidade.

Publicidade

Fotos: Omar Z. Robles


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!


X
Próxima notícia Hypeness:
‘Tubarões surfistas’ e ‘baleia bailarina’: as melhores fotos oceânicas de 2020