Viagem

Mardi Gras e Notting Hill: listamos os melhores carnavais pelo mundo

por: Vitor Paiva

O carnaval de rua do Rio de Janeiro é reconhecido pelo Guiness como o maior do mundo, mas anualmente ele disputa com Recife esse título. Porém, ainda que concentre os mais tradicionais e populares festas do mundo, o Brasil não é o único país a festejar o carnaval nas rua – pelos quatro cantos do planeta, foliões tomam as ruas para a festa da carne – alguns cheios de ritmo e suíngue, outros em que a batucada e o samba no pé passaram longe, mas todos felizes da vida, cantando e dançando com suas fantasias e tradições.

Bloco no Rio de Janeiro, acima, e em Recife, abaixo

Ainda que hoje seja uma festa vagamente ligada à tradição cristã – o carnaval tecnicamente acontece como prenúncio do período da quaresma – o fato é que festas originárias semelhantes ocorrem desde muito antes de Cristo, nas tradições gregas, romanas e africanas. Essas tradições se espalharam pelo mundo e ganharam características próprias nas mais diversas cidades – ainda que as fantasias, a dança, a música e os carros alegóricos se façam presentes na maioria dos carnavais do mundo. Por aqui o carnaval de rua começou no Rio no final do século XIX, enquanto os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro tiveram início oficial em 1932.

Mas onde e como são esses outros grandes carnavais de rua pelo mundo? Separamos aqui 5 locais de fora do Brasil que também sabem brincar o carnaval como ninguém – ou melhor: quase tão bem como sabemos nós, brasileiros.

1. Mardi Gras em Nova Orleans (EUA)

Baseado na influência caribenha e africana, o carnaval de Nova Orleans acontece no dia anterior à quarta-feira de cinzas, e traz desfiles, bailes de máscara e multidões nas ruas da cidade, onde a música não para.

2. Nice (França)

Quem poderia esperar que o carnaval de Nice, na França, fosse também um dos maiores do mundo? Pois o fato é que cerca de 1,5 milhão de pessoas visitantes tomam a cidade para assistir aos desfiles de carros alegóricos com milhares de músicos e bailarinos em festa.

3. Notting Hill (Londres)

A capital inglesa é o último lugar do mundo a se esperar samba no pé, mas a verdade é que ela possui, mais precisamente no bairro de Notting Hill, um carnaval forte e tradicional. A festa começou como uma forma de protesto contra a descriminação sofrida por estrangeiros, e hoje virou tradição inspirada no carnaval carioca – só que por lá eles esperam a temperatura subir, e fazem o carnaval em agosto.

4. Veneza (Itália)

Um dos mais famosos e antigos carnavais do mundo, a festa transforma anualmente uma das já mais belas cidades do planeta em uma espécie de baile de máscaras sem fim – ao ar livre ou dentro dos antigos e belíssimos palacetes espalhados por Veneza.

5. Montevidéu (Uruguai)

Com 40 dias de duração , o carnaval de Montevidéu é conhecido como o mais longo – ainda que hoje seja superado em 10 dias pelo carnaval carioca. Tradição na cidade desde 1874, o carnaval promove concursos de murgas – uma espécie de teatro musical com atores, canções autorais, muito deboche e crítica social – e também com escolas de samba.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Site lista cinco restaurantes africanos para você conhecer em São Paulo