Empreendedorismo

As 50 empresas mais desejadas por criativos do mundo para trabalhar em 2020

por: Gabriela Glette

Dentre as promessas e resoluções de ano novo, muitas pessoas sonham em mudar de emprego e finalmente fazer parte daquele grupo seleto de profissionais que fazem parte de algumas empresas. Se você não trabalha por conta própria e prefere a estabilidade de ter uma carteira assinada, já parou alguma vez para pensar quais são as empresas que você sonha trabalhar? Todos os anos, a plataforma de talentos criativos Working not Working divulga seu relatório anual com o ranking das 50 empresas mais desejadas pelos profissionais criativos.

empresas mais desejadas 2

Neste ano a lista é encabeçada pelo Google, que teve suas agências internas – Google Creative Lab e Google Brand Studio, na 8º e 29º posição, respectivamente. Apesar de ser uma plataforma focada no mercado publicitário, nos últimos anos um movimento curioso tem acontecido. As dez empresas mais desejadas para trabalhar, não são agências. Logo em seguida da gigante de comunicação Google, Nike, Apple, Spotify e Airbnb figuram entre as mais cobiçadas.

empresas mais desejadas 1

Os membros da plataforma costumam classificar o mercado criativo mundial, a partir de questionamentos como ‘Quais agências lançaram campanhas que venderam você para uma marca?’, e  ‘Quais marcas lançaram produtos e serviços que você usa todos os dias?’.  No entanto, ao avaliar quais empregos as pessoas sonham em conquistar, a plataforma permite que os contratantes dessas empresas saibam que você é apaixonado pelo trabalho que eles estão fazendo e está alinhado de forma criativa com a missão deles. Confira a lista completa abaixo:

empresas mais desejadas 4

1. Google
2. Nike
3. Apple
4. Wieden+Kennedy
5. Netflix
6. Pentagram
7. Spotify
8. Google Creative Lab
9. IDEO
10. Airbnb
11. Disney
12. Patagonia
13. Droga5
14. adidas
15. Facebook
16. The New York Times
17. 72andSunny
18. Amazon
19. BUCK
20. Pixar
21. HBO
22. R/GA
23. Glossier
24. National Geographic
25. Mother

26. A24
27. BBDO
28. Adobe
29. Google Brand Studio
30. Sagmeister Inc. / &Walsh*
31. Microsoft
32. Vice

33. Collins
34. Tesla
35. The New Yorker
36. Refinery29
37. Huge
38. Condé Nast
39. Cartoon Network

40. Ogilvy
41. Marvel Entertainment
42. Vogue
43. Penguin Random House
44. Adult Swim
45. Anomaly
46. TBWA\CHIAT\DAY
47. Instagram
48. The Mill
49. The New York Times Magazine
50. Museum of Modern Art

 

Emprego e saúde mental

Como acontece em outras áreas da vida, nós costumamos romantizar a vida profissional dentro das empresas que sonhamos em trabalhar. Apesar de encabeçar esta lista, pesquisas mostram que funcionários do Google acabam deixando a empresa após 2 anos de trabalho. Horas extras, pressão em prol da produtividade e falta de acompanhamento psicológico são alguns fatores que contribuem para que as pessoas abandonem o sonho.

No Brasil, nove em cada 10 brasileiros no mercado de trabalho apresentam sintomas de ansiedade, do grau mais leve ao incapacitante, porém apenas 18% das empresas mantém um programa para cuidar da saúde mental de seus funcionários.

 

Publicidade

Fotos: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
7 restaurantes de imigrantes delivery pra viajar o mundo sem sair de casa e apoiar quem precisa