Sustentabilidade

Carro que funciona com óleo de cozinha usado já é realidade

por: Gabriela Glette

Patrocinado por:
Notice: Undefined index: facebook_titulo in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/single.php on line 90

Nos últimos anos a Europa vem adotando medidas rigorosas para reduzir as emissões em veículos novos. Hoje são diversas marcas que fabricam carros elétricos e, em 2019 o Parlamento Europeu impôs mais uma meta de redução, o que representa um verdadeiro desafio à indústria. No entanto, estas restrições também fomentam uma série de inovações, como por exemplo um tipo de diesel renovável fabricado a partir do óleo de cozinha usado, apresentado pela companhia americana Ford em sua linha Van Transit.

biodiesel ford 1

Uma opção aos derivados de petróleo, o HVO (Hydrotreated Vegetable Oil) pode incluir óleo de cozinha usado, gordura animal, óleo de peixe e subprodutos de processos industriais em sua composição. Por usar hidrogênio no processo de produção, ele é limpo e tem vida útil mais longa que o biodiesel convencional, reduzindo em até 90% os gases de efeito estufa.

biodiesel ford 1

Modelo 2020 do utilitário Van Transit.

A iniciativa surgiu da constante procura por substituir os derivados de petróleo. Atualmente existem inúmeras empresas na Europa dedicadas à coleta de óleo de cozinha usado em restaurantes, indústrias e escolas, que trabalham em conjunto com o governo através do programa RecOil. Segundo Hans Schep – gerente geral de Veículos Comerciais da Ford Europa: “Permitir que nossas vans funcionem com combustível feito de resíduos, como óleo de cozinha usado, pode parecer absurdo, mas o HVO é, de fato, uma solução para os motoristas e frotistas ajudarem a melhorar a qualidade do ar para todos.”

biodiesel ford 3

O biodiesel no Brasil

Assim como a Europa, o Brasil é um dos maiores produtores de biodiesel do mundo. Atualmente, cerca de 11% do diesel fabricado aqui são provenientes de misturas de biodiesel produzido a partir do óleo de soja.

Publicidade

Fotos 1 e 2: divulgação

Foto 3: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!


X
Próxima notícia Hypeness:
O salmão consumido no Brasil está acabando com a costa chilena