Ciência

A história do fazendeiro que descobriu uma das espécies mais antigas de Tiranossauro

por: Vitor Paiva

Há cerca de 70 milhões de anos, quando os dinossauros caminhavam sobre a Terra, quem reinava pelo território onde hoje é a América do Norte era o Tiranossauro Rex. Seu próprio epíteto específico, “rex” sugere o rei que era – quando foi primeiro descoberto acreditava-se ser o maior dinossauro carnívoro entre todos. Um fóssil recém descoberto confirma que 2,5 milhões de anos antes, na região do Canadá, um “primo” do Rex era quem reinava – de forma tão imperativa que seu nome, Thanatotheristes degrootorum, quer dizer “Ceifador da morte”.

O “Ceifador da morte” em recriação artística a partir dos fósseis

Tendo vivido há cerca de 80 milhões de anos, o Thanatotheristes degrootorum é a mais antiga espécie de tiranossauro já encontrada, e sua descoberta se deu graças a John De Groot, um fazendeiro e entusiasta da paleontologia que vive na região do sul de Alberta, no Canadá.

O fazendeiro John De Groot com os fósseis que encontrou

Foi De Groot quem encontrou o fóssil – fragmentos do crânio e da mandíbula – durante uma caminhada em 2010 como o primeiro novo Tiranossauro encontrado no país em 50 anos – e ele sabia que se tratava de algo extraordinário. “A mandíbula foi uma descoberta incrível. Sabíamos que era especial pois podíamos claramente ver os dentes fossilizados”, disse o fazendeiro.

O Thanatotheristes degrootorum media cerca de 8 metros de comprimento e cerca de 2,4 metros de altura e pesava cerca de 4 toneladas – um pouco menor que seu primo mais novo, o Rex, que media 4 metros de altura, 12 de comprimento e pesava 8 toneladas. “Thanatotheristes se distingue de todos os outros Tiranossauros por muitas características em seu crânio, mas a mais proeminente são os sulcos verticais que percorrem sua mandíbula superior”, disse Jared Voris, um dos pesquisadores por trás da pesquisa. 

 

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Este antigo laboratório de alquimia do século 16 foi encontrado num túnel em Praga