Fotografia

A fotografia poética de Luiz Braga e um Brasil que teima em existir

Vitor Paiva - 09/03/2020

Sobre uma das cidades mais violentas do Brasil, a poesia da fotografia do paraense Luiz Braga pousa sobre camadas culturais ameaçadas pelo desenvolvimento e o chamado progresso. Entre a natureza exuberante e o crescimento urbano desenfreado, o efeito da expansão imobiliária em Belém, principalmente sobre as populações periféricas da capital do Pará, são o enfoque da câmera de Braga em sua mais nova exposição, que registra, com isso, o desaparecimento da cultura cabocla nos arredores da cidade.

Luiz Braga: Interiores, retratos [e paisagens] se inicia em São Paulo na Galeria Leme, e mostra a ameaça de extinção das cores e culturas das palafitas em favor do triunfo desordenado das construções em alvenaria em Belém – principalmente nas franjas urbanas da cidade. O projeto foi premiado no edital Rumos Itaú Cultural, e desde então o fotógrafo se viu cruzando a cidade e também sobre barcos os rios que cruzam a região. São os leitos fluviais os locais de seu trabalho e registro no norte do país.

O fotógrafo comenta que quando começou, há décadas, a registrar a região, não existiam casas de alvenaria e vidro individuais – agora todos desejam essas construções, como uma forma de status. “É um mecanismo perverso de invisibilizar a cultura cabocla”, diz Braga. Suas fotos fazem parte de coleções no mundo todo, assim como do acervo do Masp, do Pérez Art Museus, em Miami, e muito mais.

A Galeria Leme fica na Av. Valdemar Ferreira, 130, em São Paulo, e fica aberta de terça à sexta, das 10h às 19h, e aos sábados, das 10h às 17h. A entrada é gratuita.

Publicidade

© fotos: Luiz Braga


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutor em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
Campanha alerta para filtro que dá ‘retoque’ em aparência de crianças