Inovação

Com escolas fechadas, estudantes japoneses fazem formatura divertida no Minecraft

por: Gabriela Glette

O confinamento necessário para conter o coronavírus de se espalhar ainda mais, está desafiando pessoas no mundo inteiro. O que fazer diante da quarentena é um questionamento recorrente diante do imenso desafio que temos pela frente. Mas, você já parou para pensar nas crianças, que durante um bom tempo precisarão ficar longe das escolas? Um grupo de estudantes japoneses decidiu não se deixar abater e encontrou uma maneira divertida de fazer sua própria formatura, através do jogo Minecraft.

formatura minecraft coronavírus 1

A formatura foi realizada em um auditório virtual elaborado, com direito a diplomas, discursos, música e festividades. Como era de se esperar, o vídeo, compartilhado no último dia 14 de março pelo pai de um dos garotos do grupo, viralizou. Usuários no mundo todo estão se inspirando nesta atitude que, apesar de simples, pode transformar a realidade dos jovens.

Junto de uma série de vídeos e fotos do evento nas mídias sociais, ele não esqueceu de deixar uma importante mensagem, que ele espera que sirva como “notícias que brilham em uma situação social sombria e que abra a maneira como os jogos são percebidos.

formatura minecraft coronavírus 2

O Japão tomou a decisão de fechar todos os estabelecimentos de ensino, desde o final de fevereiro. O fechamento vai até as férias de primavera – no final de abril e foi aplicado em todas as escolas de ensino fundamental, médio e superior, exceto creches. Segundo o Ministério da Educação, cerca de 13 milhões de estudantes foram atingidos pela medida, que apesar de desafiadora, é uma das responsáveis para evitar a propagação do vírus.

Publicidade

Fotos: reprodução


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Conheça os primeiros indígenas autorizados a produzir maconha medicinal