Sustentabilidade

Emissões de carbono no Reino Unido caíram 29% na última década

27 • 03 • 2020 às 17:28 Gabriela Glette
Gabriela Glette Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Não adianta duvidar. As mudanças climáticas decorrentes do aquecimento global já estão presentes em nossas vidas, mas, ao mesmo tempo, é preciso reconhecer os esforços que vêm ocorrendo vindos de diferentes frentes. Um estudo recente feito pela Carbon Brief – site especializado em meio ambiente, mostrou que as emissões de carbono no Reino Unido caíram 29% na última década.

emissões carbono reino unido 1

Os dados indicam que a queda no uso de carvão foi o principal fator que levou à queda nas emissões, já que os níveis de uso de petróleo e gás natural permaneceram inalterados. Ao longo da última década, as emissões de carbono do Reino Unido caíram até 80%, enquanto o petróleo apenas 6%. Estes números significam que este foi o declínio mais rápido nas emissões em comparação com qualquer outra grande economia, sendo que a última vez que tinha ocorrido uma redução drástica como esta foi em 1888.

emissões carbono reino unido 2

O resultado, no entanto, não é à toa e é consequência de esforços de longo prazo para combater as mudanças climáticas. De acordo com o Comitê de Mudanças Climáticas, o Reino Unido foi pioneiro em introduzir uma legislação nacional, que inclui uma meta de 2050 para redução de emissões e um desenvolvimento de um plano de adaptação.

emissões carbono reino unido 3

O Carbon Brief afirmou que as emissões de carbono do Reino Unido precisam cair mais 31% na próxima década para que a meta total seja cumprida. Ainda segundo a instituição, com base nas políticas atuais, a projeção é de que o nível não ultrapasse os 10%. Se diminuir o uso de carbono é primordial, ainda há urgência em nos concentrarmos em energias renováveis, reduzindo ainda mais a dependência de carvão, petróleo e gás natural. O futuro somente será possível desta maneira.

emissões carbono reino unido 4

Publicidade

Canais Especiais Hypeness