Debate

Empresário internado com coronavírus faz apelo: ‘Não voltem a trabalhar. Ela é silenciosa’

por: Yuri Ferreira

Algumas autoridades públicas do Brasil e empresários milionários andaram dizendo que a Covid-19, causada pelo novo coronavírus, não passa de uma ‘gripezinha’ ou ‘resfriadinho’. Passando por cima de milhares de recomendações médicas, evidências científicas e mortos ao redor de todo o mundo, muita gente tem dado ouvidos pra esse tipo de desinformação, especialmente o empresariado, que deseja abrir seu comércios e continuar trabalhando em meio a um período que exige quarentena.

O empresário Valnei Beltrame, 57, de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, fez um comunicado em suas redes sociais e pediu encarecidamente para que outros empresários não abram suas lojas. Segundo ele, que está infectado pelo coronavírus, a doença não é ‘só uma gripe’ e quem abrir o seu comércio vai colocar em risco não somente a si mesmo mas também seus funcionários e familiares. Por isso, ele recomenda o isolamento.

– Coronavírus: Luisa Mell diz que melhorou, mas pede que rezem pelo marido internado

Valnei está internado com o coronavírus e já está se recuperando, mas avisou que se trata de uma doença séria

“Virava na cama, e as pessoas colocavam pano gelado no corpo e no rosto. É um negócio que não tem cura. Não se sabe o que tomar, o que dar. Se não tiver resultado, não tem plano B. Ela é silenciosa. Não tenho nada. Pedalo 40 a 50 quilômetros, jogo futebol nos fins de semana. Tenho 57 anos, tem que ter alguns cuidados. Tomo remédio para pressão. Mas não sinto nada. Não entrava no hospital há muitos anos”, contou à TV RBS.

“Uma semana não vai deixar ninguém muito mais pobre. Dá um tempinho, espera um pouquinho. Muitos me ligaram e disseram que tenho razão. Um ou outro disse que irá abrir. Eu disse que ele vai pagar o preço. Tomara que não aconteça nada. Mas tudo que estão falando está se confirmando”, concluiu o empresário.

– Coronavírus: fora da UTI, apresentador do ‘JN’ disse ter contraído vírus em SP

Cidades ao redor de todo o país como Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo já estão com a maioria de seus comércios fechados. A recomendação de isolamento é a única que consegue conter o pico de infecções que pode levar ao colapso completo do sistema de saúde brasileiro. Se não houver nenhuma medida de controle e as atividades econômicas se mantenham em operação normal, mais de 1 milhão de brasileiros podem morrer, segundo a Imperial College.

– Jovem de 22 anos descreve como é conviver com coronavírus

Confira o vídeo de Valnei Beltrame:

Publicidade

Fotos: Reprodução/Facebook


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @porfavorparem.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Coronavírus: governos incompetentes no trato da pandemia prejudicam saúde mental, diz estudo