Arte

Isto não é uma fotografia: artista usa carvão e desafia nossa percepção

por: Gabriela Glette

A estreita relação que o artista londrino Zulf tem com sua arte, se traduz em criações que desafiam nossos olhos. Acessível, ele utiliza apenas papel escuro, carvão e lápis em tons pastéis. No entanto, esta economia nos materiais parece ser ofuscada pelo seu, mais do que comprovado, talento. Sua última série, uma linda homenagem às mulheres de todos os tipos e formas, parece uma coleção de fotografias em preto e branco, mas é o resultado de um intenso jogo de sombras que ele faz com as próprias mãos.

ilustrações mulheres carvão 1

Cada ilustração pode levar de 1 a 60 horas, dependendo dos detalhes. Ao brincar com sombras e silhuetas, o artista inglês dá vida a retratos de mulheres que nunca existiram. “Demoro um pouco para descobrir o que sinto ser a referência perfeita para o que preciso. Às vezes, posso levar horas apenas para encontrar o tema”, explicou ao site Bored Panda.

ilustrações mulheres carvão 2

Zulf tem 50 anos, vive em Londres com a esposa e dois filhos e diz que a arte está em seu sangue: “A arte é minha vida”. Quando jovem, o artista participava de um coletivo urbano de grafite, mas a vida profissional e pessoal acabou lhe afastando da arte. O retorno se deu em 2013, quando ele criou o compromisso de dedicar cerca de 3 horas de seu dia às suas criações.

ilustrações mulheres carvão 3

Disciplinado, para ele a beleza de sua arte está na liberdade: A beleza disso é que nunca sei em que direção vou seguir“. Seus desenhos, entretanto, representam muito mais do que um simples passatempo. Depois de revelar que sofre de crise de ansiedade, enxaqueca e ataques de pânico ocasionais, ele explica que, entre outras coisas, a arte também é sobretudo sua terapia mais eficaz.

Publicidade

Fotos: Instagram


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Daiara Tukano, a autora do maior mural feito por uma artista indígena no mundo