Sessão Hype

Jordan Peele produz filme que recria mito da ‘loira do banheiro’ para debater questões sociais

por: Vitor Paiva

Toda criança que cresceu nos anos 1980 e 1990 conhecia a lenda da Loira do Banheiro, ou Loira do Espelho – bastava dizer seu nome três vezes diante de um espelho que o sanguinário fantasma aparecia. A lenda se recria em diversos formatos e personagens diferentes – é o caso do filme O Mistério de Candyman, clássico do terror de 1992 levou às telas a mesma lenda, mas com uma pequena diferença: no filme, o espírito evocado no espelho é de um escravo morto, que volta para se vingar com um gancho no lugar de sua mão. O mote é perfeito para um reboot, que será produzido por Jordan Peele, de Corra! e Nós, com especial enfoque na questão racial.

A nova versão de Candyman será dirigido pela diretora Nia DaCosta, que explicou sua escolha pelo remake do original dos anos 90: “Foi um dos poucos filmes que explorou qualquer aspecto da experiência negra no gênero de terror nos anos 1990”, diz. Na perspectiva de um filme de terror que debate a experiência negra, foi natural que Jordan Peele se aproximasse do projeto e o assumisse como produtor.

“O que é divertido em trabalhar com Jordan é que nossa estética de terror é diferente. Jordan é realmente brilhante em não mostrar tudo. Meu instinto é fazer exatamente o oposto. Há uma boa quantidade de coisas que você não quer ver [no filme]”, contou a diretora.

Candyman é estrelado por Yahia Abdul-Mateen II e traz também Colman Domingo e Teyonah Parris no elenco. A estreia está prevista para 12 de junho de 2020, e quem viu o primeiro filme pode esperar medo, susto e terror.

Mas não somente: o filme traz também uma interessante reflexão sobre o mais sombrio aspecto das relações sociais humanas.

Publicidade

© fotos: divulgação/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Edmund Dulac ilustrou contos de fadas com fantasia e Art Nouveau durante a Segunda