Inspiração

Rihanna doa US$ 5 milhões para combater Covid-19 nos EUA e no Haiti

por: Vitor Paiva

Se os governos muitas vezes parecem terrivelmente ter outros interesses que não a vida humana no contexto da pandemia do coronavírus, alguns artistas fazem o que podem – e o que as autoridades demoram a fazer. É o caso da cantora estadunidense Rihanna, que doou 5 milhões de dólares através de sua ONG, a Clara Lionel Foundation, para ajudar a combater a disseminação da doença pelo mundo.

Os fundos serão utilizados para diversas frentes importantes na luta contra o coronavírus: bancos de alimentos que atendem às populações de risco e aos idosos nos EUA, assim como a aceleração de testes e maiores cuidados em países como Haiti e Malawi como as principais frentes nas quais a doação de Rihanna será utilizada. Mas não somente: equipamentos de proteção para os profissionais de saúde que trabalham na linha de frente do combate e em laboratórios e UTIs também serão adquiridos.

“Nunca foi tão importante ou urgente proteger e preparar comunidades marginalizadas e carentes — aquelas que serão mais afetadas por essa pandemia”, disse em comunicado Justine Lucas, diretora executiva da Fundação Clara Lionel. Em um momento em que autoridades delirantes tentam diminuir o impacto da mais desafiadora crise sanitária desde a gripe espanhola, é fundamental que nossas iniciativas ajudem o máximo de pessoas possível – que os mais ricos possam ajudar financeiramente, e que todos que puderem fiquem em casa enquanto for necessário.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Eles se mudaram para ilha sem veterinário e adotaram cachorros com problemas de saúde