Inovação

Um mergulho pelo esquecido programa espacial da Zâmbia dos anos 1960

por: Gabriela Glette

Quando pensamos na corrida espacial que marcou as décadas de 1950 e 1960, automaticamente lembramos dos Estados Unidos e União Soviética. Resultado do eurocentrismo e do alto poder internacional da terra do Tio Sam, pouca gente sabe que a Zâmbia, na África, também teve um Programa Espacial, curiosamente fundado e administrado por apenas um homem.

programa espacial zâmbia 1

O visionário Edward Mukuka Nkoloso era professor de ciências de escola primária e diretor da Academia Nacional de Ciências, Pesquisa Espacial e Filosofia da Zâmbia e tinha apenas um sonho: derrotar os EUA e a União Soviética e ser o primeiro a chegar à Lua.

Lançado poucos meses depois que a Zâmbia tornou-se independente do Reino Unido, o programa não deu certo por um simples problema: falta de recursos. Em entrevista para o New Yorker, o primeiro presidente do país – Kenneth David Kaunda, foi enfático e chegou a afirmar que os “neocolonialistas imperialistas” estavam realmente assustados com o conhecimento espacial do país africano.

Quem foi Edward Mukuka Nkoloso

Nascido em 1919 na Rodésia do Norte, Nkoloso foi convocado pelos britânicos para a Segunda Guerra Mundial e começou a desenvolver um profundo interesse em ciência durante seu serviço. Anos depois, quando voltou para casa decidiu fundar ilegalmente sua própria escola.

programa espacial zâmbia 2

Apesar de não ter dado frutos, o programa proposto por Nkoloso hoje ele é apontado como um grande afrofuturista, visionário e é objeto central de diversos documentários, como este que você pode assistir abaixo:

Publicidade

Fotos: reprodução


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
19 vezes que a tecnologia e a inovação melhoraram a vida de quem realmente precisa