Ciência

Como a água e o sabão ‘destroem’ o coronavírus?

por: Vitor Paiva

As benesses trazidas pelo uso do sabão combinado com a água já são conhecidas há mais de 3 mil anos. Ainda que a alta tecnologia seja fundamental para o combate a todo tipo de doença, poucas revoluções foram tão grandes para nossa saúde quanto a higiene – e hoje, é a mistura entre água e sabão nossa principal arma contra o coronavírus. Mas o que esses elementos tão banais em nosso cotidiano fazem afinal com o vírus que transmite a Covid-19?

© Getty Images

A mistura entre gordura, água e sais que forma essencialmente o sabão desde sua invenção até hoje é letal para o ácido ribonucleico envolto em uma “proteção” de lipídios (ou gorduras) que é o coronavírus. O vírus, invisível a olho nu, não é capaz de adentrar o corpo quando, por exemplo, está sobre nossa mão – mas por lá ele permanece, esperando uma oportunidade.

© Pixabay

Nesse momento, ao lavarmos a mão, o sabão não somente o “expulsa” da nossa pele como também dissolve esse “envelope” de gordura, desativando assim o vírus e acabando com a ameaça – em somente 20 segundo.

As moléculas do sabão possuem uma espécie de cauda, assim como uma cabeça: a cauda é atraída por óleos ou gorduras, e a cabeça por água. A atração da cabeça pela água é tão intensa que é capaz de arrastar a gordura até a superfície, envolvendo-a por moléculas de sabão.

Assim, a gordura é separada em partes cada vez menores até estar limpa a superfície por completo – e é essencialmente isso que acontece com o tal “envelope” do coronavírus. É importante limpar todas as partes da mão ou das superfícies – por isso os 20 segundos mínimos recomendados.

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Astrônomos criam vídeo com primeira foto de buraco negro já vista na história