Criatividade

Coronavírus: o gênio do empreendedorismo que vendeu 40 kg de torresmo na live do governador

por: Redação Hypeness

“Boa noite, trabalhamos com torresmo para pronta entrega. Coisa de primeira qualidade”. Esse comentário chamou atenção na transmissão ao vivo do governador Camilo Santana (PT), feita na tarde de sábado (4) para anunciar a prorrogação por mais 15 dias da quarentena no Ceará, a fim de conter a propagação do coronavírus

Em meio a mensagens de críticas e de apoio em relação a medida, Airton Fonteles Júnior, 42, resolveu divulgar o seu negócio. E logo teve uma resposta: “qual o telefone do torresmo?”, perguntou outro participante da live. 

– 8 opções de guloseimas delivery para apoiar pequenos produtores nesta páscoa

O comentário na live que rendeu as vendas do mês para Airton

O microempresário fornecia torresmo sobretudo, para bares e restaurantes. Com a suspensão das atividades desse tipo de comércio, ele viu as vendas da Sabore & Torreli’s murcharem. Foi quando partiu para o delivery e viu na Live de Camilo uma vitrine. 

– Coronavírus: jornalista lista 17 feirantes que entregam peixe e orgânicos na sua casa

“Não fiz com a intenção de chacota, até porque sou totalmente a favor da quarentena pregada pelo governador”, explicou Airton, em entrevista ao jornal O Povo.

Com a crise, ele perdeu 80% das vendas. Mas desde ontem ganhou um impulso. Conta que neste domingo recebeu uma mensagem atrás da outra e fechou a venda de 40 kg do produto. Cada Kg custa R$ 60,00. A meta é engordar o caixa vendendo 200 kg por semana.

– Uber anuncia viagens de graça para quem for doar sangue

O microempresário Airton

Airton preparou uma mensagem padrão para os interessados e já vai chamar o reforço de um entregador de moto. Neste domingo ele mesmo estava entregando de carro.

– Para se proteger do coronavírus, as pessoas estão se superando na criatividade; com eficácia duvidosa

Diante da crise econômica que veio junto com a pandemia de coronavírus, o governo federal anunciou, na segunda-feira (16), duas medidas para resguardar empregos e o pagamento de salários, além de apoiar micro e pequenas empresas. 

A primeira medida trata do adiamento do recolhimento do imposto do Simples Nacional, pelo período de três meses, o que vai corresponder a uma renúncia temporária de R$ 22,2 bilhões da União. A medida vai beneficiar, aproximadamente, 4,9 milhões de empresas, que são optantes do regime tributário. O pagamento dos impostos será adiado para o segundo semestre deste ano. 

– Rede brasileira de makers usa impressão 3D para produzir máscaras em escala

A segunda será a liberação de R$ 5 bilhões pelo Programa de Geração de Renda (Proger), mantido com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). A quantia será repassada aos bancos públicos para que eles concedam empréstimos voltados a capital de giro das micro e pequenas empresas.

Publicidade

Foto 1: Reprodução / Instagram
Foto 2: Arquivo Pessoal


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Pinguins fazem tour exclusivo em museu fechado por causa do coronavírus