Debate

Gabriela Prioli fala sobre novo programa na CNN, relação com Gottino e exalta apoio das redes

por: Yuri Ferreira

A CNN Brasil mal estreou e já está causando grandes polêmicas graças a sua programação. Com um modelo importado das redações americanas, a concorrente da Globo News conseguiu emplacar, em especial, um nome: o de Gabriela Prioli. Após pedir demissão do programa ‘Grande Debate’, Gabriela anunciou que irá fazer um novo programa para a emissora recém-nascida. O anúncio foi feito pela comentarista através de suas redes sociais e confirmado pela equipe da CNN.

Gabriela Prioli ganhou notoriedade após participação no programa ‘Grande Debate’, mas após demissão, está em um novo projeto próprio dentro da CNN

A mestra em direito penal pela Faculdade de Direito da USP e Professora da Pós-Graduação do Mackenzie ganhou notoriedade por grande superioridade nos debates com os seus oponentes Caio Coppola e Tomé Abduch no seu antigo programa, mediado por Reinaldo Gottino. Além de ter muito mais conhecimentos técnicos acerca dos assuntos debatidos, Prioli também sofria por seu frequentemente interrompida pelos debatedores. Por isso, recentemente, Gabriela pediu demissão do programa, mas se manteve no quadro de comentaristas da CNN Brasil.

“Meu compromisso na comunicação sempre foi e sempre será o de promover uma discussão de qualidade. Fico feliz por, agora no horário nobre e em um formato pensado com muito carinho, poder ocupar um espaço que vai além do debate e prestigia a profundidade das discussões e o conhecimento científico”, disse em suas redes na época da demissão.

– Parcialidade racial: time da CNN Brasil gera debate sobre diversidade e presença de negros na mídia

Recentemente, Gabriela anunciou em suas redes sociais que está, em parceria com a emissora, desenvolvendo um novo programa, com debates mais inteligentes e novos moldes, valorizando o conhecimento científico e trazendo menos sensacionalismo para a conteúdo da CNN Brasil.

“A gente tá trabalhando num projeto novo que vai ser criado do zero. É muito de acordo com aquilo que eu acredito, com a minha cara e obviamente com todas as considerações que vocês fazem”, afirmou.

– CNN Brasil: Internet se divide com anúncio de Evaristo Costa e William Waack

A professora ainda anunciou que conversou com o mediador de ‘Grande Debate’, Reinaldo Gottino, e que a relação entre ambos já está mais tranquila. “Sempre digo que a crítica deve ser encarada como oportunidade de a gente evoluir, se aperfeiçoar, melhorar, se aprimorar. Já conversei com o Gottino, tá tudo bem. Então vamos voltar os nossos olhos pro futuro, que a gente tem um projeto novo pra estruturar. E eu conto com vocês, tô muito feliz, tô ansiosa. Acho que vai ser um processo muito legal”, contou.

“Prioli é um talento revelado pela CNN Brasil e temos muito orgulho disso. Foi durante nossos debates que ela construiu um trabalho formidável e marcou o público”, afirmou o CEO da CNN Brasil, Douglas Tavolaro.

Confira o vídeo postado pela comentarista em suas redes sociais:

Veja o vídeo que gerou a saída de Gabriela Prioli do programa apresentado por Reinaldo Gottino:

Gottino se desculpou nas redes sociais:

View this post on Instagram

Venho, por meio desta nota, deixar aqui a minha tristeza e a minha consternação com tudo que aconteceu nas últimas horas. E um pedido de desculpas! Peço publicamente desculpas à Gabriela Prioli por ter sido incisivo no meu questionamento na última sexta. Perguntei se ela entendia que a lei era branda e deveria ser mudada. Me exaltei e a interrompi. Errei. Esse pedido de desculpas, que faço aqui, eu já tinha enviado a ela, antes da publicação feita por ela nas redes sociais. Admiro a Gabriela, tínhamos uma ótima relação e fico muito triste, porque eu não imaginava esse desdobramento. Conversamos na sexta depois do programa, falamos até do que deveria mudar, para termos um programa melhor. Estendo meu pedido de desculpas a todos que se sentiram ofendidos. Tenho mais de 20 anos de jornalismo, e quem me conhece sabe da minha índole, do meu caráter e dos meus posicionamentos sobre opinião, pluralidade e respeito ao lugar de voz das mulheres. Errei, reconheço meu erro, peço perdão e lamento muito. Reinaldo Gottino

A post shared by Reinaldo Gottino 🇧🇷 (@rgottino) on

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @porfavorparem.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Jane Elliott é exemplo de como uma pessoa branca deve lutar contra o racismo