Arte

Quarentena: você pode assistir aos shows do festival de Montreux online

por: Vitor Paiva

Enquanto a maioria dos festivais hoje prezam pelo gigantismo de suas plateias e de seus line-ups, o festival de Montreux, na Suíça, sempre foi marcado pela inalcançável qualidade dos artistas que, desde 1967, se apresentam por lá. E se em tempos de coronavírus e quarentena o jeito é recorrer ao mundo virtual, essa qualidade inigualável é relembrada e celebrada agora que os organizadores do festival colocaram 56 shows direto dos palcos e da história de Montreux gratuitamente por 30 dias para serem assistidos online.

Nina Simone em Montreux

As filmagens foram dispostas na plataforma de shows e documentários Stingray Qello, e trazem nomes como Nina Simone, Ray Charles, Marvin Gaye, Wu-tang Clan, James Brown, Etta James, Johnny Cash, Alanis Morrisette, Lou Reed, Yes, Chic, Run DMC, Patti Smith, Ladysmith Black Mambazo, Carlos Santana e mais. Para acessar o conteúdo é preciso fazer um cadastro, e utilizar o código “FREEMJF1M” para ter acesso aos 30 dias gratuitos para assistir aos show. Nenhum dos muitos brasileiros que já se apresentaram em Montreux teve ainda o show incluído na lista.

Acima, Wu-Tang Clan e, abaixo, James Brown nos palcos do festival

Desde sua fundação em 1967 até hoje, mais de 11 mil horas de shows já foram registradas nos palcos do Festival de Montreux – que originalmente se restringia ao universo do jazz, mas que aos poucos foi se abrindo para outros estilos, mantendo somente a excelência como critério de seleção. A importância desse registro é tamanha que o acervo de filmagens foi reconhecido em 2013 pela UNESCO como Registro da Memória do Mundo.

Detalhe da plataforma com os shows disponíveis

Além dos nomes supracitados, gigantes como Ella Fitzgerald, Miles Davis, Aretha Franklin, David Bowie, Stevie Wonder e muitos outros já se apresentaram no festival. A 54ª edição de Montreux está programada para acontecer em julho desse ano, ainda sem line-up anunciado, mas a organização do festival está obviamente aguardando os desdobramentos da pandemia para anunciar qualquer confirmação, definição ou adiamento.

Ray Charles

Publicidade

© fotos: divulgação/reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Um mundo de sonhos, aventuras tropicais e cogumelos nas ilustrações de Ceci Lam