Viagem

Taj Mahal e aurora boreal: listamos símbolos da humanidade para serem visitados pela internet

por: Vitor Paiva

Enquanto os passeios e viagens seguem suspensos por conta da pandemia de coronavírus e a quarentena, a solução é mesmo recorrer ao mundo virtual, onde podemos visitar os mais variados países, pontos turísticos e patrimônios mundiais sem pegar aviões e nem correr risco algum para ninguém. Hotéis, museus, teatros, festivais e outros locais dos mais visitados do planeta seguem oferecendo experiências virtuais para quem precisa saciar o desejo pela rua e o mundo – mesmo que seja na tela do computador ou do smartphone.

Pois se antes já era possível visitar qualquer lugar do mundo sem levantar do sofá, em tempos de quarentena as possibilidades virtuais se multiplicam – e se revelam ainda mais sedutoras. Assim, separamos diversos destinos para se visitar virtualmente durante a quarentena – para lembrarmos o motivo pelo qual é paradoxalmente tão importante ficarmos em casa nesse momento: para que possamos, mais cedo e melhor possível, voltarmos a frequentar o mundo.

Porto Rico

© Wikimedia Commons

Com o compositor e cantor Lin-Manuel Miranda como guia, essa série de vídeos oferece um mergulho colorido e inesquecível pelos melhores pontos e destinos de Porto Rico.

Aurora Boreal

© Pixabay

Diretamente do norte do Canadá, as cores impressionantes dos céus tomados pela aurora boreal no site Explore.org com um dos mais lindos espetáculos da natureza transmitido ao vivo por streaming.

Tailândia

© John Walker/Shutterstock

Sinta seus pés pisando nas areias da praia de Patong, na Tailândia, feito fosse o hóspede no luxuoso resort Amari Phuket, em um lindo cenário no país.

Disney

Os parques também estão fechados por conta da pandemia, mas no mundo virtual a Disney nunca fecha: canais como CoasterForce e iThemePark mantém os portões abertas para aventuras no mais famoso parque do mundo.

Floresta Amazônica

A Conservation International oferece uma visita virtual em 3600 pela floresta amazônica, pelas árvores, a água e o ar da maior floresta tropical do mundo.

Cruzeiros

© Wikimedia Commons

Se seu sonho de viajar em um cruzeiro foi suspenso por conta da pandemia, o jeito, por enquanto, é recorrer às visitar virtuais que linhas como Viking Ocean Cruises e Carnival Cruise Line oferecem.

Grand Canyon

© Wikimedia Commons

O mais popular parque dos EUA e um dos cenários mais impactantes do país, o Grand Canyon pode ser visitado virtualmente através do Google Earth – e, mesmo sem o vento e a atmosfera presencial, o cenário é de tirar o fôlego.

Museu do Louvre

© Pedro Szekely/Flickr

Mais visitado e mais célebre museu do mundo, o Louvre, em Paris, está virtualmente à distância de um clique – com o privilégio de atravessar os corredores do museu guiado por curadores e especialistas.

The Globe

© Kevinofsydney/Flickr

Durante o século XVI era no The Globe que Shakespeare apresentava suas peças. Uma nova versão foi construída nos anos 90 em espelhamento perfeito e muito próximo ao local original – e essa plataforma oferece montagens das peças de Shakespeare no palco do local, como eram no período elisabetano.

Taj Mahal

Novamente recorrendo ao Google Earth, possivelmente o mais célebre palácio do mundo – e uma das mais bonitas construções do planeta – pode ser visitada virtualmente como milhões de pessoas costumavam fazer presencialmente na Índia.

Publicidade

© fotos: créditos


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.


X
Próxima notícia Hypeness:
Os incríveis e coloridos domos de sal das montanhas do Irã