Inspiração

Repórter da Globo chora com pai que se vestiu de dinossauro para ver filho durante pandemia

por: Redação Hypeness

Natália Ariede, repórter da TV Globo, não conteve a emoção durante entrada ao vivo no ‘Bom Dia São Paulo’. A jornalista caiu no choro enquanto contava a história de um médico, que é pai, e se fantasiou de dinossauro para poder ver o filho.

– Ilze Scamparini, da Globo, não segura choro ao falar sobre coronavírus na Itália

Natália Ariede se emocionou ao vivo

O profissional de linha de frente no combate ao avanço da pandemia do novo coronavírus se chama Juan Lambert e estava há 35 dias sem poder ver a família em Caraguatatuba, no litoral norte paulista. Para minimizar a possibilidade de contágio, a esposa e o filho se mudaram para a casa dos pais e ele seguiu trabalhando na cidade vizinha de São Sebastião. 

Natália, que assim como muita gente está trabalhando em casa, justificou a emoção.  “Eu gravei a entrevista, já sabia tudo o que ele tinha dito e agora me emocionei de novo aqui com a edição que o pessoal colocou no ar”.

Ele se fantasiou de dinossauro para ver o filho

– Gari grava vídeo necessário sobre descarte de lixo na pandemia de coronavírus

O apresentador Rodrigo Bocardi também pareceu arrebatado pelo reencontro criativo entre pai e filho. “Quer fazer o que comigo com esse vídeo, Natália? Nossa, que coisa”.

Está tudo bem Natália, a emoção é fruto de uma cobertura delicada. Há alguns meses, Ilze Scamparini, correspondente da TV Globo na Itália, também chorou ao falar do número de mortos pela covid-19 no país. A Itália teve quase 30 mil mortos pelo vírus até o momento. 

Veja a partir de 01:46:12: 

Publicidade

Fotos: foto 1: Reprodução/TV Globo/foto 2: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
O 1º mascote vencedor do Nobel vive num dos maiores campos de refugiados do mundo