Diversidade

Transgênero divulga fotos do parto de terceiro filho e as imagens são lindas

por: Yuri Ferreira

O parto do homem transgênero Yuval Toppet Erez, um israelense que deu à luz a seu terceiro filho, faz parte de algumas das lindas imagens que circulam nas redes sociais. Depois da 4ª gravidez, ele finalmente decidiu registrar o nascimento e mostrar o poder da fotografia para capturar a essência de um momento tão puro e simbólico quanto o surgimento de uma vida.

Yuval já era um dos principais marcos dos direitos trans no mundo. Junto de seu marido Matan Topper-Erez, ele é pai da primeira criança a ter dois homens como pais na certidão de nascimento em Israel. A decisão de 2011 foi histórica no país do Oriente Médio e Yuval não fechou a fábrica desde então. As incríveis imagens desse nascimento emocionam qualquer um.

– Homem trans grávido dá à luz a uma menina em SP

As tocantes imagens mostram o amor do pai durante o parto

Um dos principais agradecimentos de Yuval foi às doulas que o ajudaram no parto natural. “Uma das [doulas] me viu através de todos os altos e baixos: gravidez difícil, nascimento e pós-parto, um dos meus melhores amigos que também é uma doula maravilhosa, e meu parceiro na vida e no amor. As nossas duas crianças mais velhas foram convidadas a juntarem-se a nós para o nascimento, mas preferiram conhecer o novo bebê logo após o nascimento”, afirmou em uma postagem do Instagram.

– A emocionante história do homem trans que se descobriu grávido

Yuval é pai biológico de outras duas crianças

Hoje Yuval faz parte do Projeto pela Gravidez de Pessoas Trans, que busca incentivar e criar uma rede de segurança para pessoas trans e não binárias que desejam engravidar.

– Cirurgião britânico convida mulheres trans a fazerem transplante de útero

“Espero, entre outras coisas, que este álbum inspire futuros pais biológicos. Eu sei o quão significativas poderiam ter sido imagens como estas para mim antes da minha primeira gravidez e o quão significativo é para mim ver imagens de amigos em parto trans e não binárias até hoje”, desabafou Yuval.

Publicidade

Fotos: © Tara Leach


Yuri Ferreira
Jornalista formado na Escola de Jornalismo da Énois. Já publicou em veículos como The Guardian, UOL, The Intercept, VICE, Carta e hoje escreve aqui no Hypeness. No twitter, @porfavorparem.


X
Próxima notícia Hypeness:
‘Pretos que voam’: comissária quer bolsas para enegrecer aviação civil