Agenda Hypeness

Agenda Hype em casa: 24 bons artistas e produtores de conteúdo antirracistas

por: Gabriela Rassy

Essa não é a primeira vez e nem será a última que exaltamos especialmente artistas e produtores de conteúdo negros aqui nessa agenda. Numa semana (ou seria num mês, num século, ou numa história humana?) que o ultrapassado, violento e tão real racismo bateu às nossas portas. E quando ele não bateu? Pessoas negras são mortas pelo Estado desde sempre e isso precisa chocar. Precisa movimentar. Precisa abalar as estruturas.

É sempre tempo de aprender a história do Brasil pelo olhar negro, indígena, feminino. Aconteceu nos EUA e acontece aqui aqui todos os dias. Seja num baile funk dispersado em São Paulo, seja com moradores dos morros do Rio de Janeiro. Antirracismo e antifascismo são as palavra de ordem dos últimos dias. Agora convido vocês a estudarem, a enaltecerem, a darem visibilidade, cargos bem remunerados, oportunidades e apoio. Fazer da luta antirracista um exercício diário. É dever de cada pessoa branca, de cada pessoa privilegiada.

Fogo nos racistas. Vem na minha.

  • #Lives

Nômade Sessions com Elza Soares | @nomadefestivalsp
Quarta, 3 de junho, 19h
Enquanto não chega a hora de nos abraçarmos na próxima edição do Nômade Festival, rolam bate-papos musicais toda semana, apresentados por Carlinhos Brown. Nesta quarta, a convidada é nossa deusa preta Elza Soares.

Elza Soares

Marcelo D2 | YouTube D2 e Multishow
Sexta, 5 de junho, 20h
Uma programação especial de 3 horas de muita música e papo reto.

Xênia França no Cultura em Casa | Youtube
Sexta, 5 de junho, 21h30
Absoluta e maravilhosa, Xênia nos brinda com o repertório de seu primeiro álbum homônimo, indicado ao Grammy Latino de 2018 na categoria Melhor Álbum Pop Contemporâneo.

Tuyo | Youtube Tuyo
Sábado, 6 de junho, às 21h
A banda propõe uma live do disco Pra Curar, num formato o mais semelhante possível do que faziam nos palcos, dando um gostinho para àqueles que nunca puderam os assistir ao vivo.

Mumuzinho – Eu Mereço Ser Feliz | YouTube Mumuzinho
Domingo, 7 de junh, 18h
Vai ter samba de primeira nesse domingo! Essa é a primeira apresentação após Mumuzinho se curar do novo coronavírus.

  • #Música

As Bahias e a Cozinha Mineira | Enquanto estamos distantes
As faixas produzidas e lançadas durante a quarentena compõe o mais novo EP “Enquanto estamos distantes”. O single “Éramos chuva” já ganhou clipe com participações de Taís Araujo, Lea T., Thelma Assis e Djamila Ribeiro, tudo gravado por cada uma, de suas casas.

Rincon Sapiência – Quarentena (Verso Livre)
Em mais uma produção 100% quarentena, Rincón usa o estúdio como antivírus para falar sobre o processo de isolamento social. Tanto a música e a letra como a direção e edição do clipe foram produzidos pelo artista.

Monkey Jhayam – Cidade Cinza (Remix)
Esse inspirador artista paulistano segue em plena produção durante a quarentena. A faixa Cidade Cinza, lançada originalmente no primeiro álbum oficial de Monkey, “Nascente”, ganha nova versão que já vinha sendo executada nos shows. “Antes da quarentena eu e a banda conseguimos gravar e estamos desenvolvendo passo a passo o processo de mix, master e overdubs cada um de suas casas”, conta. Todas essas musicas serão lançadas de 15 em 15 dias em todas as plataformas digitais, embaladas por imagens. Cidade Cinza ganhou cenas aéreas de São Paulo feitas no final de abril por Acauã Fonseca.

Tuyo – Eu Sou Dragão
O vídeo foi gravado como trabalho de conclusão do curso de Design da UTFPR, por Isabel Palacio, em 2019. Agora dá cara a faixa do álbum “Pra Curar”.

  • #Cinema

Mostra do Audiovisual Negro – APAN
A plataforma de streaming da Spcine, a Spcine Play, liberou boa parte de seu catálogo de graça. Destaque para a Mostra do Audiovisual Negro, da Associação dxs Profissionais do Audiovisual Negro (APAN), com 16 títulos, incluindo o premiado documentário “Mulheres Negras: Projetos de Mundo” de Day Rodrigues e Lucas Ogasawara.

Atlantique
Primeiro filme dirigido pela cienasta Mati Diop, já chegou cheio de prêmios. Os amores interrompidos e a busca por justiça se entrelaçam com a grandiosidade do oceano que banha as terras senegalesas. Está no catálogo do Netflix.

Marielle, O Documentário
Completamos 2 anos sem respostas sobre quem mandou o vizinho do presidente matar Marielle Franco e Anderson Gomes. A história da 5ª vereadora mais votada do Rio de Janeiro foi gravada, entre muitas polêmicas, e já está disponível na Globo Play.

Vaga Carne
Uma estranha voz toma posse do corpo de uma mulher. Juntos, a voz e o corpo procuram por pertencimento e por uma identidade própria enquanto questionam seus papéis dentro da sociedade. O filme é uma transcriação do espetáculo teatral da atriz e dramaturga Grace Passô.

  • #Visuais

Entrevista – Robério Braga: Luz Negra | Instaram @mis_sp
O fotógrafo Robério Braga conta em detalhes a experiência do processo fotográfico da série “Luz Negra”, a partir de diversas viagens ao continente africano. O trabalho faz uma leitura poética e jornalística de diversos aspectos estéticos e antropológicos de inúmeros signos culturais presentes na cultura de África desde os primórdios de suas civilizações. A relação das comunidades com adornos, cores, formas, geometrizações e o modo como determinam traços de divisão social e de classes internas são explicitados pelo fotógrafo que também descreve o processo técnico deste tipo de registro.

  • #Gastronomia

Uma seleção de chefs para conhecer, amar, incentivar e, claro, aprender muito junto!

View this post on Instagram

Eu sobre o olhar do lindo @arlindogrund esses elogios carinhosos me enchem de alegria e esperanca nesses tempos!! Obrigada meu amor. Meu look do @pablodesignermoda E acessorios @pauloduarte.co * * #Repost @arlindogrund @download.ins — Falamos ontem na nossa #Live sobre dicas de moda. Então, para ilustrar o bate-papo, preparei uma série de referências que podem servir de inspiração para você. Comecei pelas botas no post anterior e agora chegou a vez dos acessórios. Para quem gosta dos étnicos, materiais alternativos, madeiras pintadas à mão e peças que representem a sua ancestralidade: nem precisa pensar muito para escolher. Pode apostar nesses itens, eles deixarão seu look mais autêntico. Trouxe a @carmemvirginia como um ótimo exemplo usando colar e brincos de @pauloduarte.co. As pulseiras em acrílico agregam cores para seu visual. Inclusive, essa é uma ótima maneira de começar a inserir pontos coloridos no duo preto e branco como fez @clorisleite com o bracelete-boca de @fepettenazzi. Nesse momento, opte por brincos mais colados à sua orelha por conta do uso das máscaras. Os colares e pulseiras também podem aparecer em forma de correntes mais pesadas ou as mais delicadas com pingente geométrico. Tem mais imagens nos Stories. Quem gosta? #Acessórios #Correntes #ArlindoAma #ArlindoIndica #SBT #SBTnaWeb #SBTnaModa #EsquadraoDaModa #EsquadrãoDaModa #NadaParaVestir #NadaPraVestir #DicasDeEstilo #TenhaEstilo #FashionTips #DicaEsquadraoDaModa #DicasEsquadraoDaModa #ManFashion #MenStyle #ARoupaIdeal #ARoupaIdealComArlindoGrund #NossoCanal #AsArmadilhasDaModa #AsArmadilhasDaModaComArlindoGrund 😉

A post shared by Dona Carmem Virginia (@carmemvirginia) on

View this post on Instagram

“Em minha comida busco sempre destacar minha baiadade e por sua vez minha africanidade, já dizia minha amiga @mafuane ,” a bahia é um pedaço da África nas Américas” e nasci nesta Bahia tão envolvente, e faço questão de expor esta baianidade que resiste dentro de mim, mesmo tao longe de minha terra natal e por sua vez minha culinária é expressão de uma resistência, percebo claramente o elo entre cozinha baiana e varias cozinhas africanas e enraizamento cultural alimentar em outras localidades para onde nativos africanos foram levados a força pelos portugueses. Comida boa é forte, mas forte no sentido de fortalecer quem come! #baianidade #ancestralidadeafricana

A post shared by Aline Chermoula (@alinechermoula) on

View this post on Instagram

Tendo em vista os últimos acontecimentos, achei muito importante me posicionar aqui. Posicionamento este que tenho desde pequeno. Precisamos defender nossos direitos com unhas e dentes. Não podemos ficar calados. Não vamos ficar calados. Nos dias de hoje, não podemos apenas não ser racistas, precisamos ser antirracismo! . . Você aí, que está lendo este post, peço que posicione-se também. Independente da sua cor, história de vida e crenças. Estamos todos juntos, na luta por uma sociedade mais justa para todos nós. ✊🏿 . . 🖥 @victoriaguim.pdf @bernardochris . . 📷 @leal.fotografia #JoaoDiamante #AtivismoSocial #JD #Gastronomia #DiamantesNaCozinha #BlackLivesMatter #vidasnegrasimportam #BlackoutTuesday

A post shared by João Diamante (@joaodiamante) on

  • #Podcast

Siriricas CO
Coletivo de 9 mulheres negras que falam sobre autoconhecimento, maternidade, sexualidade, carreira profissional, trazendo representatividade, criando laços, memórias e novas narrativas.

Negro da Semana
Quem são as grandes personalidades negras da História? É para responder a esta pergunta que o escritor Alê Garcia criou este podcast.

Meteora
Informação e boas risadas pela perspectiva feminista de Cristiane Guterres e Renata Hilario.

Em Quarentena
Viver em meio ao coronavírus (Covid-19) não deve estar sendo fácil para ninguém. Imagina então para quem vive nas periferias. O “Em Quarentena” é o podcast especial que a Agência Mural de Jornalismo das Periferias criou neste momento da pandemia. Queremos informar, com notícias do dia a dia, quem mais precisa se virar meio a esse caos.

  • #Canais

Afros e Afisn – Nátaly Neri

Yuri Marçal

Gabi Oliveira

Publicidade

Fotos de destaque:
Xênia França e Rincón Sapiencia por @julubini


Gabriela Rassy
Jornalista enraizada na cultura, caçadora de arte e badalação nas capitais ensolaradas desse Brasil, entusiasta da cena musical noturna e fervida por natureza.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Dia Internacional do Reggae: mensagem política popularizada por Bob Marley continua atual e necessária