Debate

Coronavírus atinge 700 mil casos no Brasil e Curitiba reabre bares com show de pagode, muvuca e ausência de máscaras

por: Redação Hypeness

Em Curitiba, parece que o coronavírus nunca existiu. Vídeos de bares na capital paranaense têm viralizado nas redes sociais por mostrarem aglomeração de clientes neste fim de semana, que revoltaram internautas. Nas imagens, é possível ver frequentadores sem máscaras.

Até domingo (7), de acordo com boletim da prefeitura, Curitiba tinha 1.312 diagnósticos confirmados do novo coronavírus e 57 mortes registradas por complicações da doença. No Paraná, também até domingo, boletim da Secretaria Estadual de Saúde indicou 6.897 casos confirmados e 237 mortes.

– SP vive quarentena com festa e carros de luxo; especialistas dizem que bloqueio total é inevitável

Um dos vídeos compartilhados foi feito no Mercado Sal. As imagens mostram uma banda de pagode tocando enquanto várias pessoas, sem máscaras, estão ao redor do palco. Por meio de nota a imprensa, o estabelecimento informou que “está adotando todas as medidas recomendadas pelos órgãos governamentais para enfrentamento da pandemia. Situações pontuais de possível aglomeração, quando constatadas, serão de pronto combatidas, exigindo a retomada do distanciamento”.

A nota informa ainda que os clientes foram orientados a usar máscaras, permanecer nas mesas e que nos ambientes há álcool disponível e cartazes com instruções.

Teve até show de pagode num bar de Curitiba…em plena pandemia

– Livre da Covid-19, Gabriela Pugliesi perde patrocínio após festa com ex-BBB em plena pandemia

A Associação dos Comerciantes do Centro Histórico informou que os associados têm recebido treinamento constante para trabalhar de maneira segura. Também por meio de nota, o órgão informou que os bares que não estão seguindo as medidas de segurança não fazem parte da associação e trabalham de forma independente.

Em entrevista à RPC, afiliada da Rede Globo em Curitiba, o prefeito da cidade, Rafael Greca (DEM), disse que, desde o início da adoção de medidas para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus, foram feitas 270 fiscalizações em estabelecimentos comerciais, sendo que 240 geraram notificações.

– Jovens são os mais infectados por coronavírus no Brasil; veja números

O prefeito repudiou a lotação e falta de medidas de higiene adotadas pelos estabelecimentos mostrados. “O comportamento registrado nos vídeos não condiz com a reputação de moradores de uma capital considerada inteligente. Faço um apelo para que isso não se repita. Esses locais foram notificados. Para denunciar esses tipos de casos, os moradores podem ligar no 156 ou 153”, afirmou.

A Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar) repudiou a atitude de empresários que não seguem as orientações da associação e dos órgãos de Saúde. Informou que os casos mostrados refletem a atitude da minoria, não é o pensamento da maioria dos donos dos estabelecimentos.

Publicidade

Foto 1: Divulgação / Prefeitura de Curitiba
Foto 2: Reprodução / TV RPC


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Aluno que matou professor na França já tinha postado fotos de decapitação