Inspiração

Henrique Fogaça vibra com filha, que conseguiu ficar de pé e se trata com canabidiol

por: Redação Hypeness

Da série ‘notícias que aquecem o coração‘: o chef Henrique Fogaça mostrou aos seus seguidores do Instagram a evolução de sua filha, Olívia, que tem um tipo raro de epilepsia. Por causa de sua condição, a menina, de 13 anos, tem muitas convulsões e, na última semana, ela surpreendeu o pai, ao ficar em pé sozinha. 

O jurado do ‘MasterChef’ comemorou o tratamento atual filha, feito com da canabidiol. Fogaça afirma que os resultados desde a adoção do composto à base de maconha são satisfatórios. “Muito orgulho da minha filha linda. Com muita força de vontade, está cada dia mais perceptiva, mais amorosa, mais tranquila, mais linda, mais atenta e muito feliz, mostrando pro mundo que é possível experimentar um novo olhar para a medicina alternativa”, escreveu ele sobre a filha. A foto que acompanha a legenda mostra Olívia sorridente, em pé, com fones de ouvido.

– SP libera uso de canabidiol para tratamento de epilepsia em crianças

A filha de Fogaça se trata com canabidiol

O medicamento utilizado para o tratamento de Olívia é derivado da maconha. Os primeiros progressos da pequena foram registrados em abril deste ano, quando Fogaça emocionou os seguidores, ao mostrar Olivia ficando de pé pela primeira vez. “Hoje ficou 15 minutos em pé, prestando atenção em tudo e sorrindo. E me disse: ‘pai, daqui a pouco eu quero aprender a andar, você me ajuda?'”, revelou.

– Remédio brasileiro à base de maconha chega às farmácias após 35 anos; preço assusta

Fogaça já havia contado outros detalhes da sua quarentena, incluindo a convivência com as filhas, na coluna de Mônica Bergamo, na Folha de São Paulo. Ele revelou que, além do trabalho delivery do seu restaurante, está trabalhando também com a sua banda, a Oitão.

Henrique Fogaça está compondo sobre os efeitos da pandemia

– Maconha medicinal zera crise grave e rara de epilepsia em garota de 10 anos

Fogaça disse que é compositor e passa o tempo escrevendo uma música sobre questões políticas e econômicas – consequência dos efeitos da pandemia do coronavírus, assim como outras reflexões  sobre esse momento. “A música vai transitar por essas interrogações, essa questão de resgatar algo que às vezes estava esquecido. Essa ideia de a gente se voltar mais para dentro [de nós mesmos] e ver o que é realmente importante”, revelou.

Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Barbie lança boneca de Susan B. Anthony, sufragista e 1ª mulher a votar nos EUA