Ciência

Hormônio produzido pelo amor pode ajudar a prevenir osteoporose, aponta estudo

por: Gabriela Glette

A ciência e a sabedoria popular já sabem que a ocitocina é responsável pela sensação de bem estar em nosso corpo, mas este hormônio parece exercer um papel fundamental na saúde dos ossos também. Isto porque, um estudo encabeçado pela Unesp, Universidade Estadual Paulista de Araçatuba, no interior de São Paulo, concluiu que a ocitocina, popularmente conhecida como o hormônio do amor e do bom humor, ajuda no controle e na prevenção da osteoporose. Mas como isto acontece?

ocotocina previne osteoporose 1

Comum em idosos ou em pessoas com deficiência em cálcio, a osteoporose é uma doença em que a degradação estrutural e a diminuição da densidade mineral dos ossos aumentam o risco de fraturas. No entanto, a pesquisa descobriu que o hormônio, produzido pelo hipotálamo, conseguiu reverter fatores que reduzem a densidade e resistência ósseas.

ocotocina previne osteoporose 2

Segundo Rita Menegati Dornelles – uma das principais autoras do estudo: “Nosso estudo tem como enfoque a prevenção da osteoporose primária; por isso investigamos mecanismos fisiológicos que ocorrem no período pré-menopausa. Nessa etapa da vida da mulher, medidas de prevenção podem evitar que os ossos se tornem frágeis e que ocorram fraturas, o que poderia reduzir a qualidade e a expectativa de vida”.

Pesquisa

Os pesquisadores aplicaram apenas duas doses do hormônio ocitocina – com 12 horas de diferença entre uma injeção e outra – em um grupo de 10 ratas Wistar. Os animais tinham 18 meses de vida, algo incomum para estudos de laboratório, pois as pesquisas geralmente são realizadas com animais jovens submetidas a ovariectomia. Em média, ratos de laboratório vivem cerca de três anos. As fêmeas do estudo estavam no período da periestropausa, equivalente à perimenopausa humana, um processo natural do envelhecimento.

ocotocina previne osteoporose 3

Amostras de sangue e do colo do fêmur dos animais foram analisadas após 35 dias de tratamento e assim, a equipe pôde então comparar os dados com os de outras 10 ratas que não receberam o hormônio. O resultado é que os animais que receberam as doses de ocitocina apresentaram estrutura óssea sem sinais de osteopenia (perda de densidade óssea).

Ocitocina

Produzida naturalmente pelo corpo, a ocitocina é muito lembrada como o hormônio do prazer e possui importantes papéis no funcionamento do corpo humano. Entre eles, promover as contrações musculares uterinas; reduzir o sangramento durante o parto; estimular a libertação do leite materno; desenvolver apego e empatia entre pessoas; produzir parte do prazer do orgasmo; e modular a sensibilidade ao medo. Lembre-se: a vida é mais doce quando sorrimos! Você pode acessar a pesquisa completa aqui.

ocotocina previne osteoporose 4

Publicidade

Fotos: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!


X
Próxima notícia Hypeness:
Nasa revela imagens do ‘Grand Canyon de Marte’ 10 vezes maior que o da Terra