Arte

Ilustrador iraniano conta a vida de Van Gogh em lindos quadrinhos coloridos

por: Vitor Paiva

Poucos artistas são tão enigmáticos em uma biografia tão dolorida, complexa e profunda quanto o pintor holandês Vincent Van Gogh. A história é sabida: um dos maiores e mais influentes pintores em todos os tempos atravessou seus 37 anos de vida sem praticamente nenhum reconhecimento por seu trabalho, enfrentando a pobreza e a própria fragilidade psíquica até despedir-se em suicídio. Pois para demonstrar sua admiração por Van Gogh o ilustrador iraniano Alireza Karimi Moghaddam decidiu transforma-la em uma série em quadrinhos.

Utilizando as cores marcantes e detalhes das próprias obras de Van Gogh como pano de fundo, Karimi muitas vezes coloca o próprio personagem principal em meio aos cenários naturais que inspiraram seus trabalhos – como pedalando entre girassóis ou observando a noite estrelada.

As tiras oferecem certa leveza à narrativa, mas sem abrir mão do sentido sombrio da vida de Van Gogh – a luta do artista com sua saúde mental está também presente nos quadrinhos. Trata-se do trabalho de um grande artista para homenagear um dos maiores e mais brilhantes pintores da história.

Publicidade

© arte: Alireza Karimi Moghaddam


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.


X
Próxima notícia Hypeness:
Artista subverte eurocentrismo racista com retratos incríveis de pessoas negras