Ciência

Muralha do Polo Sul: descobriram uma estrutura de galáxias gigante próxima da Via Láctea

por: Redação Hypeness

Existe uma galáxia “lá fora”. Mais precisamente uma vizinha da Via Láctea. Batizada de Muralha do Polo Sul, a nova descoberta tem pelo menos 1,4 bilhão de anos-luz de extensão. A descoberta foi publicada recentemente por uma equipe internacional de astrônomos, na publicação especializada The Astrophysical Journal.

Essa estrutura maciça, uma das maiores já descobertas, contém milhares de galáxias e está a 500 milhões de anos-luz da Via Láctea. Parece bem longe, mas esta é uma distância relativamente curta em “termos cósmicos”. A Muralha do Polo Sul rivaliza em tamanho com a Grande Muralha de Sloan, a sexta maior estrutura cósmica já descoberta.

– Marte se destaca em mês de julho histórico para astronomia; eclipse da Lua é outra atração

O registro de astrônomos da Muralha do Polo Sul

Por causa de sua complexidade e distância, a imagem da muralha não se baseou na observação direta com um telescópio. Além disso, a muralha está “escondida” há anos em meio a nuvens moleculares e poeira logo atrás de nossa própria galáxia, em uma região chamada Zona de Evitamento.

– Prepare-se para o cometa mais brilhante em 10 anos e que poderá ser visto a olho nu

A presença da Muralha do Polo Sul, nas imediações do Polo Sul celeste, foi detectada graças a dados que cientistas começaram a coletar três anos atrás. “Não podemos vê-la diretamente, mas podemos perceber sua influência gravitacional”, explica o cosmógrafo Daniel Pomarède, professor da Universidade de Paris-Saclay e membro da equipe de pesquisadores, em entrevista à BBC. 

A pista inicial da existência dessa muralha, portanto, foi sua gravidade e força de atração sobre os corpos celestes que a rodeiam. Ao analisarem um catálogo de velocidades de 18 mil galáxias, a equipe pode elaborar um mapa 3D do Universo em que aponta a localização da Muralha do Polo Sul.

– Cientistas dizem ter identificado a mais forte e brilhante explosão de estrela na história

No espaço, as galáxias não se encontram espalhadas de maneira aleatória, mas se agrupam nessas muralhas e formam o que os astrônomos chamam de “rede cósmica”.

Publicidade

Foto: Reprodução / The Astrophysical Journal


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Natal terá Júpiter e Saturno com alinhamento mais próximo da Terra desde Idade Média