Diversidade

Preta Gil lembra do racismo ao falar de festa junina: ‘Noivinhas eram loiras e brancas’

por: Redação Hypeness

Preta Gil propôs uma reflexão interessante sobre a relação entre racismo e festa junina. Muita gente pode ter dificuldade em entender, mas pessoas negras que tiveram que dançar quadrilha nas escolas certamente compreendem o que a filha de Gilberto Gil está dizendo. 

– Coca-Cola entra no boicote ao Facebook iniciado por movimento negro e faz Zuckerberg perder R$ 39 bi

Preta com Gilberto e Bela Gil

Em entrevista ao UOL, Preta Gil revelou que sempre foi preterida nas famosas eleições de noiva, mas nunca entendeu os motivos. Apenas ao crescer, diz ela, é que angústia encontrou resposta. No racismo, claro. 

“Quando garota, eu sempre quis ser a noiva no São João, mas isso nunca aconteceu, muito por conta do racismo e do preconceito, porque as noivinhas eram sempre as minhas amigas loiras e brancas”, diz a cantora. 

– As 2222 vanguardas de Gilberto Gil: 78 anos de quem sempre esteve à frente de seu tempo

Preta recorda que só conseguiu realizar o sonho de ser noivinha de São João aos 40 anos de idade, numa festa junina em família. “Foi uma mágoa que guardei dentro de mim por muitos anos, até que no aniversário de 40 anos de Flora [ mulher de Gilberto Gil] , eu pedi para ser a noiva da festa dela”, pontua.

Preta Gil falou do racismo no São João

 A filha do ex-ministro da Cultura, aliás, já sofreu racismo e gordofobia nas redes sociais inúmeras vezes. Embora sempre tenha adotado uma postura altiva, não é fácil para Preta lidar com tanto ódio. Não faz muito tempo, ela teve sua página atacada por um grupo racista que inundou o espaço para comentários com ofensas e xingamentos gratuitos. 

– ‘Andar com Fé’: Stevie Wonder, Djavan e companhia celebram 78 anos de Gil no melhor vídeo para o seu dia

Sobre a festa junina, o racismo é mais um capítulo do processo de solidão da mulher negra – preterida em diferentes ocasiões, como por exemplo na insistência dos homens (inclusive negros) de colocarem estas mulheres em postos secundários. Por isso a fala de alguém com a exposição de Preta Gil é importante e deve ser processada por todos nós. 

Publicidade

Fotos: Reprodução/YouTube


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Marília Mendonça se desculpa por fala transfóbica; comentário pode colocar LGBTs em risco